Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > JUSTIÇA

Prazos de ações envolvendo o RS e advogados gaúchos ficam suspensos até 31 de maio

Determinação é do Conselho Nacional de Justiça e leva em conta a situação de calamidade pública no Estado


				
					Prazos de ações envolvendo o RS e advogados gaúchos ficam suspensos até 31 de maio
Prazos de ações envolvendo o RS e advogados gaúchos ficam suspensos até 31 de maio. Hebert Borges

Os prazos de processos judiciais que tenham como parte o Estado do Rio Grande do Sul, os municípios gaúchos ou o Ministério Público (MPRS) estão suspensos até 31 de maio nos tribunais de todo o país por determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Ficam suspensos ainda os prazos de ações que sejam oriundas de varas e tribunais sediados no Estado ou cujas partes estejam representadas, exclusivamente, por advogados inscritos na OAB/RS ou representadas pela Defensoria Pública do Rio Grande do Sul.

Leia também

A determinação consta em decisão do último dia 10, assinada pelos ministros Luís Roberto Barroso, presidente do CNJ, e Luis Felipe Salomão, corregedor nacional de Justiça.

A medida leva em conta a permanência da situação de calamidade pública no Rio Grande do Sul, em razão das fortes chuvas e enchentes.

A suspensão dos prazos ocorrerá nos tribunais do país, inclusive superiores, bem como no CNJ, no Conselho da Justiça Federal e no Conselho Superior da Justiça do Trabalho.

*com assessoria

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas