Na volta ao Rei Pelé, CSA goleia Murici e vence a primeira no Alagoano

Xandão, João Felipe, Kaio Nunes e Thales marcam para sacramentarem resultado avassalador dentro de casa

O CSA ainda está vivo e finalmente conseguiu vencer sua primeira partida no Campeonato Alagoano 2023. Na noite desta terça-feira (24), a equipe enfrentou o Murici, em seu retorno ao Estádio Rei Pelé. Com uma atuação primorosa no primeiro tempo, o clube marujo passou o trator e venceu o Verdão por 4 a 0.

Os gols do duelo foram marcados por Xandão, João Felipe e Kaio Nunes, na primeira etapa. No segundo tempo, Thales fechou o placar. Além de ser a primeira vitória do time no Estadual, o Azulão encerrou um tabu de quatro jogos seguidos sem balançar as redes.Confira como foi CSA 3x0 Murici no Tempo Real da Gazetaweb.com! Clique aqui!

Como é apenas o primeiro jogo da rodada, o CSA deu um belo salto na classificação. Agora com quatro pontos, o Azulão entra no G4, momentaneamente, ocupando a segunda posição. Já o Verdão caiu duas posições, e termina o dia em quinto, pelo saldo de gols.

Resultado tirou o Azulão do sufoco no Campeonato Estadual - Foto: Ailton Cruz

Agora as equipes vão iniciar a preparação visando a 4ª rodada do Alagoano. O time azulino tem clássico marcado com o CRB, no próximo sábado (28), às 16h, no mesmo Rei Pelé. No mesmo dia e horário, o Murici joga dentro de casa, no José Gomes da Costa, contra o ASA.

PRIMEIRO TEMPO

Em crise na temporada, o CSA entrou em campo pressionado, mas com força máxima. Com o Murici atuando com uma postura defensiva, logo o Azulão se atirou. Com 3min, veio a primeira chance. Após lance pela esquerda, Rodriguinho apareceu livre na área e mandou uma bomba para a defesa de Alexandre, que mandou para escanteio.

Contudo, na cobrança do corner, Alexandre saiu muito mal e o zagueiro Xandão deu um desvio fatal, de cabeça, para abrir o placar no Rei Pelé.

De cabeça, capitão Xandão marcou o primeiro gol do CSA na partida - Foto: Ailton Cruz

E a intensidade não parou. Com seis minutinhos, foi a vez de João Felipe ser lançado no ataque e tocar para o fundo das redes, na saída do goleiro. Porém, para a sorte do Murici, o lance foi anulado por impedimento. O Murici só conseguiu assustar com 12min. A defesa do Azulão bobeou e a bola sobrou com Pedrinho, que finalizou forte, mas Dalberson encaixou.

O Verdão estava melhorando, mas após uma falha de Luciano no ataque, Kaio Nunes armou um contra-ataque fulminante. O atacante tocou para Rodriguinho, que só fez acionar João Felipe na área. Dessa vez em posição legal, o ponta deu um carrinho na bola e venceu Alexandre: 2 a 0 para o CSA, em 16 minutos.

João Felipe só precisou de duas chances para marcar o seu gol - Foto: Ailton Cruz

Com a vantagem ampliada, a equipe azulina ficou muito à vontade dentro de campo. O Murici tentou buscar o gol, e quase diminuiu aos 17min, com belo chute de Palhinha, mas Dalberson espalmou no momento certo.

Apesar das chances alviverdes, a noite era azulina. Com 22 minutos, foi a vez do atacante Kaio Nunes ter sua chance. O jogador recebeu a bola ainda no meio campo e avançou pelo lado esquerdo. Ninguém da defesa do Murici o parou, e Kaio só foi parar com um chutaço, para abrir 3 a 0 ainda no primeiro tempo. Um show azulino.

Com a goleada instaurada, o Murici ainda tentou construir suas jogadas, mas nada dava certo. Com 37 minutos, Robertinho mandou um foguete de longe e Dalberson defendeu mais uma vez. Com 38, João Felipe respondeu na mesma moeda e Alexandre segurou. Sem grandes chances na reta final, o primeiro tempo chegou ao fim sem acréscimos e com a goleada azulina.

Kaio Nunes fechou os números do primeiro tempo com um belo gol - Foto: Ailton Cruz

SEGUNDO TEMPO

Os dois times mudaram bastante na volta do intervalo, principalmente pelo placar praticamente definido. Mas nem assim o CSA parou de pisar no acelerador. Com cinco minutos, Tomas Bastos arriscou da entrada da área, mas a bola subiu demais. O jogo foi perdendo o ritmo, e já não havia muita motivação dos clubes.

O Murici tentou dar algumas escapadas para o ataque, mas nada que assustasse os defensores azulinos. E foi justamente um defensor que tratou de aumentar a vantagem do Azulão.

Enquanto o Verdão subia para atacar, Thales roubou a bola no meio de campo, aos 15min. O zagueirão se empolgou e partiu em direção ao gol. Praticamente ninguém marcou e, dentro da área, Thales mandou uma bomba na saída de Alexandre: 4 a 0.

Em linda jogada individual, Thales marcou o quarto do CSA - Foto: Ailton Cruz

A goleada era iminente e garantida. O CSA jogava no erro muriciense, que estava completamente inofensivo. A vitória era questão de minutos, então Fonseca deu oportunidades para alguns jogadores que estavam no banco. Com 29min, Ruan teve a chance de marcar o quinto, mas finalizou em cima de Alexandre.

Muito pouco foi feito no jogo após o quarto gol. Sem aumentar o ritmo, o time azulino apenas aguardou o apito final do confronto. E assim aconteceu, aos 45 minutos. CSA 4x0 Murici.

Após goleada, equipes ficaram com a mesma quantidade de pontos no Alagoano - Foto: Ailton Cruz

FICHA TÉCNICA

CSA - Dalberson; Jonathan (Almir Luan), Xandão, Thales e Erick; Bruno Matias (Gabriel Tonini), Guilherme Rend (Moisés Gaúcho) e Tomas Bastos (João Vitor); João Felipe, Kaio Nunes (Ruan) e Rodriguinho. Técnico: Roberto Fonseca

Murici - Alexandre; Uesles (Thauan), Alex, Paulinho e Renato, Rambo (Guêba), Ramon e Diego Palhinha (Morais); Robertinho, Luciano e Pedrinho (Sampaio). Técnico: Bruno Monteiro.

Gols - Xandão (CSA - 4'/1T); João Felipe (CSA - 16'/1T); Kaio Nunes (CSA - 22'/1T); Thales (CSA - 15'/2T)

Cartões amarelos - Thauan (Murici)

Árbitro - Márcio dos Santos Oliveira (FAF)

Assistentes - Wellington Thiago de Almeida Fontes Nascimento (FAF) e Widcir Santana de Oliveira (FAF

Quarto árbitro - Carlos Alberto Matias Eloi Junior (FAF)