Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > POLÍCIA

Jovem que tentou matar esposa gestante diz que 'vai completar o serviço' em hospital onde está intubada

Acusado ainda ameaçou de morte a sogra; vítima foi atingida por chave de moto na residência do casal


				
					Jovem que tentou matar esposa gestante diz que 'vai completar o serviço' em hospital onde está intubada
Ascom / PC/AL

A Polícia Civil de Alagoas (PC/AL) prendeu, nessa terça-feira (14), um homem de 29 anos, por tentativa de homicídio contra a companheira grávida de três meses e de ameaça contra a sogra. Segundo a polícia, o suspeito disse que iria ao hospital onde a vítima está intubada para "completar o serviço" e, na volta, mataria a mãe dela.

O caso foi registrado na cidade de Craíbas, onde o autor foi preso por policiais do 62º Distrito Policial (62º DP), coordenada pelo delegado Manoel Acácio.

Leia também

Conforme a polícia, a vítima, Daniela Alves de Farias, de 23 anos, estava grávida de três meses quando sofreu a tentativa de feminicídio na residência do casal. Ela foi levada ao Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, onde está intubada devido à gravidade dos ferimentos.

Segundo relatos, a equipe policial da 62º DP tomou conhecimento da tentativa de feminicídio e se articulou para capturar o autor do crime. De acordo com as investigações, o homem passou a ameaçar de morte a companheira e a mãe dela, afirmando que iria ao hospital onde a vítima estava intubada para "completar o serviço" e, na volta, mataria a sogra.

Os policiais civis se dirigiram à residência do autor, efetuando sua prisão em flagrante. Ele foi encaminhado ao Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) de Craíbas, onde aguarda as próximas diligências.

O autor, em depoimento, confessou que cometeu os crimes e que utilizou a chave de sua moto para agredir a companheira. As agressões, ainda segundo ele, ocorreram devido ao fato de ela estar na rua bebendo com outros homens.

*Com assessoria

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Relacionadas