Família de vítima de acidente na Av. Fernandes Lima pede ajuda para custear tratamento

Acidente aconteceu na última sexta-feira (23), deixando duas pessoas mortas e uma ferida

A família da Quitéria Gonçalves, uma das vítimas do acidente que vitimou duas pessoas na Avenida Fernandes Lima, na última sexta-feira (23), está pedindo ajuda para custear o tratamento.

Em depoimento à TV Ponta Verde, a irmã de Quitéria, Maria do Rosário, fez um apelo por ajuda. Segundo ela, a família não dispõe de recursos financeiros e está preocupada com os custos de insumos hospitalares e medicamentos.

Quitéria trabalhava como empregada doméstica e recebia cerca de R$700 por mês, que, em parte, era destinado ao aluguel da casa onde morava com o marido José Cícero. Ele não resistiu ao acidente e faleceu na sexta (23), no Hospital Geral do Estado (HGE).

"A maior parte da família está desempregada. Se ela voltar para casa, não temos como custear o tratamento que ela precisa. Qualquer ajuda que recebermos será bem vinda", declarou Maria.

Quem tiver interesse, pode fazer doações na seguinte conta bancária:

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

CONTA: 22962-6

AGÊNCIA: 1545

OPERAÇÃO: 013

O CASO

Na manhã da última sexta-feira (23), um grave acidente deixou duas pessoas mortas e uma ferida, na Avenida Fernandes Lima, em Maceió. Segundo informações da Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), o condutor do veículo, identificado como Sérgio Praxedes dos Santos Silva, de 35 anos, apresentava sinais de embriaguez e invadiu a contramão da via, atropelando os motociclistas.

Na colisão, o vigilante Pedro Alves de Souza Júnior, de 31 anos, e José Cicero da Silva Santos, de 46 anos, morreram. Devido ao acidente, Sérgio foi indiciado pelos crimes de homicídio culposo e lesão corporal culposa.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p