Covid-19: Maceió vai manter vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos

Decisão do Município ocorreu baseada em recomendação da Anvisa, Conass e do Conasems, e dos conselhos de saúde

Maceió vai continuar a vacinação contra a Covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, mesmo após orientação do Ministério da Saúde (MS) para suspender a aplicação das doses nesse público. A decisão do Município ocorreu baseada em recomendação da Anvisa, Conass e do Conasems, e dos conselhos de saúde.

Em nota, enviada à imprensa, a prefeitura informou que, até a quarta-feira (15), o Ministério da Saúde recomendava a vacinação de adolescentes, sendo que, nessa quinta-feira (16), o órgão mudou o entendimento. No entanto, a Anvisa, órgão que regulamenta as vacinas, reforçou a orientação para vacinar esse grupo.

“A Anvisa reforçou a recomendação para vacinar esse grupo. Também é a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), seguida em vários países. A vacina da Pfizer é a única autorizada para esse grupo. E é a que usamos em Maceió. Ela é segura”, diz a nota.

O Município já vacinou mais de 40 mil jovens entre 12 e 17 anos. Maceió também lidera o ranking de capitais que vacinam mais rápido.

“Levamos esse trabalho a sério e seguimos a vacinação sempre obedecendo a critérios técnicos”, finaliza a nota.

VACINAÇÃO

Com o retorno da vacinação, todos os adolescentes de 12 anos sem comorbidades poderão, nesta sexta-feira (17), se imunizar nos oito pontos de vacinação distribuídos pela capital. Os drive-thrus de Jaraguá e Serraria e os shoppings Maceió (Mangabeiras) e Pátio (Cidade Universitária) funcionarão das 9h às 21h. Já na Praça Padre Cícero (Benedito Bentes), Terminal do Osman Loureiro (Clima Bom), Papódromo (Vergel) e Ginásio Arivaldo Maia (Jacintinho), o funcionamento é das 9h às 16h.

Adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades ou deficiência, além de grávidas e puérperas nessa faixa etária com prescrição médica também podem receber a primeira dose da vacina em qualquer um dos oito pontos fixos. Os demais públicos remanescentes também podem se vacinar.

“Vamos dar continuidade à vacinação desses adolescentes levando em consideração que o próprio Ministério da Saúde e a Anvisa liberaram a vacinação com o imunizante da Pfizer, que é o que estamos utilizando. Maceió segue pronta para vacinar a população com responsabilidade e cuidado, sempre prezando pelas vidas e agindo com responsabilidade e cuidado”, enfatizou o coordenador do Gabinete de Gestão Integrada para Enfrentamento da Covid-19, Claydson Moura.