Na estreia na Copinha, Desportivo Aliança perde por 3 a 1 para o Atlético-MG

Tricolor Alagoano chegou a abrir o placar com Zanette, mas levou a virada; com o revés, time ocupa a 3ª colocação

A maior competição de futebol de base do mundo começou e já teve alagoano em campo. Pela primeira rodada da fase de grupos da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Desportivo Aliança foi derrotado de virada pelo Atlético-MG, na noite de ontem (2), no Estádio Gilberto Siqueira Lopes, o Gilbertão, em Lins, interior de São Paulo, pelo Grupo 4.

A partida começou muito bem para os alagoanos. Logo aos 12 minutos do primeiro tempo, o zagueiro Zanette aproveitou bobeada da zaga atleticana em cobrança de escanteio e abriu o placar para o Aliança ao cabecear para o fundo da rede, livre de marcação.

Zanette abriu o placar para o Tricolor Alagoano - Foto: José Luiz

Porém, a alegria duraria pouco tempo. No minuto seguinte, Guilherme Barros aproveitou cruzamento da direita e conseguiu encobrir o goleiro Flávio e empatar o jogo. Com os ânimos renovados, o Galo partiu para cima e teve as melhores chances de marcar no restante do primeiro tempo.

Logo no início da segunda etapa, aos cinco minutos, veio a virada mineira. Rubens recebeu lançamento dentro da área, em posição regular, dominou entre dois zagueiros e, com um giro, finalizou rapidamente, entre as pernas de Flávio, para marcar. Com a vantagem no placar, não demorou para que o terceiro gol saísse. Aos 11, Rubens, novamente, em bela triangulação no ataque, invadiu a área e só deu um toque para tirar do goleiro e fechar o placar.

Com a vitória, o Atlético-MG assumiu o segundo lugar do Grupo 4, com três pontos. Já o Aliança ficou na terceira colocação. O Linense, dono da casa, é o líder do grupo por conta do saldo de gols, que goleou o Andirá, o lanterna, por 5 a 0.

Essa é a segunda participação do Aliança na Copinha. Sua estreia foi em 2013. Essa é a 52ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A competição volta a abrir o calendário do futebol brasileiro, já que ela não ocorreu na última temporada, devido à pandemia da Covid-19.