Confronto de Azulões: CSA e Jaciobá jogam nesta quinta (27) pela 2ª rodada do Alagoano

Após vitória sobre o Desportivo Aliança, Azulão mira a liderança do torneio. JAC quer esquecer logo a goleada sofrida para o ASA

Nesta quinta-feira (27), haverá confronto de times azulinos no Estádio Rei Pelé, em Maceió. CSA e Jaciobá se enfrentam, em partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Alagoano de 2022. A bola rola às 20h e o portal Gazetaweb e o Timaço da Gazeta 98 FM transmitirão, com exclusividade, os lances do confronto.

Segundo o site OGol, ambos se enfrentaram quatro vezes na história, sendo três pela primeira divisão do Alagoano e uma pela Copa Alagoas, única vez que o placar não foi alterado. Até então, o Azulão é superior, com três vitórias e 10 gols marcados, contra nenhum triunfo e apenas dois tentos do JAC.

Na temporada passada, Mozart Santos e Cia. golearam a equipe do Sertão, por 4 a 1, em Arapiraca, justamente na 2ª rodada. No período, Dellatorre, Silas e Lucão marcaram para o Azulão, e Igor descontou a favor do time mandante. O favoritismo do time marujo foi confirmado e também é consensual para este novo duelo. Contudo, tudo pode acontecer após o apito inicial.

Cenário

O CSA venceu o Desportivo Aliança, por 3 a 1, no Estadual, e, por enquanto, é o 2º colocado do torneio, com três pontos, atrás do ASA. Na última quinta (20), Mozart apresentou um time com desfalques, mas melhor que o adversário. No Trapichão, Henrique fez gol contra, e Rodrigo Rodrigues e Yann Rolim garantiram a vitória do CSA, por 3 a 1. Cléber descontou para o Aliança, que foi mandante.

Já na Copa do Nordeste, o Azulão decepcionou na estreia. No domingo (23), no Estádio Marizão, na Paraíba, perdeu para o Sousa-PB, pelo placar mínimo, com gol de Rodrigo Poty, aos 23 minutos da etapa final. Com a derrota, é o lanterna do grupo A, ainda sem pontos. Mozart não gostou nada atuação da equipe, mas prometeu mais trabalho durante a semana para evoluir o time.

CSA perdeu para o Sousa-PB, por 1 a 0, pela Copa do Nordeste 2022, no interior da Paraíba - Foto: Morgana Oliveira

"A sensação é a pior possível. Nós não imaginávamos que viríamos aqui e perderíamos o jogo. Nem vou entrar no mérito de gramado e iluminação, porque estava igual para os dois. Nós precisamos melhorar rapidamente. Simples assim, não tem muito o que falar", avaliou o técnico.

Para esta partida, o treinador não terá o atacante Clayton, que sofreu uma lesão grave no joelho esquerdo, contra o Aliança, e foi desfalque no fim de semana. Além dele, o goleiro Marcelo Carné ainda é dúvida, pois testou positivo para Covid, há três dias, e está em isolamento. Assim, Jean deve ganhar outra oportunidade na posição.

Após a derrota para o Sousa, Mozart prometeu trabalhar mais nesta semana para o CSA render em campo - Foto: Reprodução/CSATV

Uma provável escalação do CSA para esta quinta tem: Jean; Diego Renan, Marcel, Douglas e Cedric; Giva Santos (Bruno Paulista), Gabriel, e Marco Túlio; Felipe Augusto Dalberto, e Rodrigo Rodrigues.

Jaciobá

O Azulão do Sertão completou 58 anos de história na última quarta (25). Para alegrar os profissionais que trabalham no clube e o torcedor, tudo o que a equipe deseja é sair do confronto desta quinta com os três pontos. Contudo, vai precisar fazer muito mais do que vem mostrando nos últimos duelos, tanto no Alagoano quanto na Copa Alagoas.

Contra o ASA, no Fumeirão, a equipe simplesmente viu o Alvinegro controlar as ações da partida e conseguir fazer cinco gols de vantagem, já aos 35 minutos do segundo tempo. Na verdade, o placar poderia ter sido mais elástico. Em suma, ficou nítida a superioridade tática e técnica do Gigante sobre o JAC, que tem menos prestígio e recursos que o oponente.

Jaciobá foi goleado, por 5 a 0, pelo ASA no último sábado (22), na estreia do Alagoano 2022 - Foto: Remir Peixoto/AscomASA

Na Copa Alagoas, a situação é matematicamente irrecuperável. A equipe ainda não pontou e resta somente uma partida para o término da fase de grupos. Isto é, ela não consegue mais a classificação. A saber, perdeu para Dínamo e FF Sport Atalaiense, por 1 a 0, nessa ordem, e ocupa 6º lugar do Grupo A, uma vez que Zumbi e Miguelense sofreram mais gols.

Com relação ao time titular, a tendência é que o treinador Antônio Fernandes repita a escalação que encarou o ASA. Nesse sentido, devem enfrentar o CSA: Flávio Blanco; Jadiel, Rudnei e Kemerson; Álvaro, Elson e João Rosa; Luiz Fernando, Emerson, Tácio e Ramon.

Arbitragem

Wiomar Santana de Oliveira (FAF) apita a partida. Ele terá o auxílio dos assistentes Esdras Mariano de Lima (CBF-AL) e Ruan Luiz de Barros Silva (CBF-AL), além do quarto árbitro Eder Gregori Viana Silva (FAF).