Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Cabo se decepciona com atuação do CSA: "Parece que não treinou"

Treinador saiu chateado do Estádio Rei Pelé, após empate com o Penedense

O empate por 1x1 entre CSA e Penedense, pelo Campeonato Alagoano, não foi bem digerido pela torcida azulina. Mesmo dentro do Estádio Rei Pelé, o desempenho foi abaixo do que era esperado e o fato incomodou também o técnico Marcelo Cabo, que explanou sua chateação durante entrevista coletiva na noite deste sábado (24), após o jogo.

O treinador reconheceu que a situação ruim do Azulão na tabela é devido as atuações fracas e usou duras palavras para descrever o que viu em campo.

"A gente que se colocou nessa situação. Nós tivemos um alento quarta-feira, mas hoje voltou a cometer os mesmo erros. Demos duas ou três chances para o Penedense vencer. Parece um time que não treinou, isso me deixa muito chateado porque a gente trabalha demais. Houve um descontrole emocional. Sair com esse ponto, foi até um ponto que pode nos ajudar. Mas, deixo o jogo muito chateado pelo que desempenhou", disse Cabo.

Artigos Relacionados

O CSA saiu na frente do Penedense com gol de Wellington Carvalho no primeiro tempo. Todavia, após isso precisou se segurar e tomou o empate no início do segundo tempo.

"Resultado muito ruim, não estava no nosso planejamento deixar esses dois pontos em casa. De bom futebol, tivemos só até o gol. Depois, fomos muito mal, não ganhamos uma bola aérea. O gol do Penedense estava amadurecendo, já no primeiro tempo perdíamos todos os duelos. Eu tentei propor, o time até se encontrou, mas as decisões foram muito aquém", respondeu.

Na tabela, o CSA é o 4º colocado, com oito pontos. O perigo é que a equipe pode ser ultrapassada pelo CSE neste domingo (25), e terminar a rodada fora do G4. Com a semana livre para trabalhar, Cabo manteve otimismo e afirmou que o Azulão irá se classificar.

"Torcida tem razão de protestar. De todas as minhas passagens pelo CSA, essa é a mais aquém. Não vamos fugir da realidade. Não adianta ter desculpas, eu como líder tenho que assumir a responsabilidade. Precisamos entender o tamanho do CSA, temos entregado pouco ao torcedor. É momento de silêncio e trabalhar muito. Tenho certeza que vamos classificar no final de semana e vamos virar a página", pontuou.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Tags

CSA

Relacionadas