Após protesto em rede social, Chicão é mantido como árbitro do jogo do ASA

Entidade afirma que clube não entrou com pedido de mudança do sorteio

Após a polêmica entrevista onde o presidente do ASA, Bruno Euclides, criticou duramente a arbitragem alagoana, o destino quis que no sorteio realizado pela Comissão Estadual dos Árbitros de Futebol de Alagoas (CEAF-AL), o juiz Francisco Carlos Nascimento fosse o responsável por comandar a partida entre o alvinegro e o Penedense, pela oitava rodada do Campeonato Alagoano. O jogo acontece nesta quarta-feira (2), no Estádio Coaracy da Mata Fonseca.
Horas depois do sorteio ter sido divulgado pela Federação Alagoana de Futebol (FAF), o Fantasma, através de seu site, emitiu uma nota repudiando a escalação do árbitro para este confronto diante do Alvirrubro Ribeirinho. O clube alegou que Francisco Carlos Nascimento é pessoa 'non-grata' em Arapiraca pelos erros que Chicão teria cometido contra o alvinegro.
A CEAF-AL afirma que não recebeu nenhum pedido por parte do ASA para mudar o árbitro que comandará a partida de amanhã. A entidade disse ainda que Francisco Carlos Nascimento será mantido no comando da partida.
De acordo com o vice-presidente da CEAF em Alagoas, Alton Olímpio, somente uma imposição da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pode fazer com que o trio de arbitragem possa ser trocado.
"O ASA não entrou com nenhum pedido de mudança na escala. Nós fizemos o sorteio entre o Francisco Carlos Nascimento e o Charles Hebert Ferreira e o primeiro foi sorteado de maneira legítima. O clube tem o direito de reivindicar o sorteio até 48 horas antes do início da partida e esse prazo já se esgotou. Portanto, o Chicão será o árbitro desta partida", afirma Alton.
Confira nota de repúdio do ASA
O ASA vem a público repudiar a escalação do árbitro Francisco Carlos do Nascimento para o jogo desta quarta-feira, diante do Penedense, em Arapiraca.
Este senhor é uma pessoa "non-grata" em Arapiraca, principalmente pelos excessos de erros cometidos em vários confrontos onde o ASA saiu prejudicado.
Vale lembrar que ano passado o clube apresentou uma representação local e também nacional contra o árbitro, solicitando que o mesmo não mais apitasse jogos do ASA, principalmente em Arapiraca, onde ele é uma pessoa indesejada.
Também estranhamente, a escalação desse arbitro ocorreu após o presidente Bruno Euclides conceder uma entrevista à imprensa criticando a postura da arbitragem em jogos que envolvem os times da capital. 
O ASA é maior que tudo isso. Vamos lutar até o fim pelo título do Campeonato Alagoano, mesmo que seja contra tudo e contra todos.
Na quarta, pode ser o jogo da nossa classificação. Precisamos do apoio do torcedor, passando energia para os jogadores e mostrando a qualquer arbitragem que quem manda em Arapiraca é o ASA! 
#ChicaoNuncaMais #ForaChicao #ASAMereceResepeito #ContraTudoContraTodos