Após lance polêmico, CSE pede investigação de apagão em jogo contra o Santa Cruz

Tricolorido sentiu-se lesado durante falta de energia curiosa durante momento de seu ataque

As redes sociais estão bombando desde o último domingo (22). Durante o confronto entre Santa Cruz e CSE, pela Série D do Brasileiro, um lance chamou atenção. Durante o decorrer da partida, os alagoanos venciam por 1 a 0 e acharam um contra-ataque fatal, com o atacante Matheus Régis. O curioso foi que durante a corrida do atacante até o gol, as luzes do Arruda apagaram-se.

Com a volta da energia, cerca de 17 minutos depois, o jogo foi retomado, o Santa Cruz conseguiu uma virada relâmpago e venceu o embate por 2 a 1. Porém, o lance seguiu dando o que falar. Junto com a Federação Alagoana de Futebol (FAF), o time palmeirense entrou com um ofício na CBF, pedindo a investigação do caso.

Um vídeo do lance em específico foi encaminhado, onde há descrição por parte da imprensa que acompanhava a partida de que a falta de energia teria atingido somente os refletores do estádio, sendo reportada a continuidade de iluminação nos setores de tribunas, cabines de imprensa, camarotes, cadeiras sociais, entre outros, além de não ter sido indicada queda de energia nos arredores do estádio.

“Decidimos encaminhar este ofício pedindo uma apuração para poder ter certeza de tudo que aconteceu em Recife. Juntamos o material que achamos necessário e vamos aguardar o resultado. O CSE foi prejudicado no lance e interferiu no resultado final da partida”, comentou o presidente da Federação Alagoana, Felipe Feijó.

Confira o vídeo do lance: