Canindé diz que pretende segurar ao máximo a formação do CSA em Aracaju

Porém, treinador azulino mantém o hábito de não revelar a escalação contra o Confiança, mesmo em se tratando de amistoso

Como de praxe, na coletiva desta tarde, o treinador Oliveira Canindé não anunciou o time do CSA que, na noite deste sábado, enfrenta o Confiança, em Aracaju-SE. Mesmo em se tratando de amistoso, o comandante azulino explicou que seu time ainda está em formação, destacando, ainda, a qualidade do adversário.
- É um adversário que serve como parâmetro, pois, nós o enfrentaremos na Série C (Campeonato Brasileiro). Outro detalhe é que alguns jogadores não vão poder ir para esta partida porque se recuperam no departamento médico. Isso faz até com que a característica de nossa equipe seja um pouco alterada. Mas vocês sabem qual a base que vem sendo mantida no quadro de cima - disse Canindé aos jornalistas presentes no CT Gustavo Paiva, na tarde desta sexta.
Apesar de ser um amistoso, Canindé afirmou que pretende segurar ao máximo a formação que vai começar atuando neste sábado. Afinal, há o amistoso da volta, na quarta-feira da próxima semana, em Maceió, para que novas observações ocorram. Machucados, Alex Henrique, Luís Soares e Rayro ficam como opção para o segundo amistoso.
Sobre o fato de o CSA ter conseguido, sob seu comando, um calendário mais extenso nesta temporada, o técnico Oliveira Canindé ressaltou que "O CSA ainda não está no lugar que deve estar".
A base titular dos treinos da semana tem Jeferson; Denilson, Leandro Souza, Douglas Marques e Rafinha; Panda, Everton Heleno, Geovane e Thiago Potiguar; Cleyton e Daniel Cruz. Porém, uma ou outra novidade pode surgir já no início da partida, a exemplo do goleiro Mota no lugar de Jeferson.
O amistoso deste sábado terá início às 19h, no Estádio Batistão. Já a viagem para Aracaju será no início da manhã.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p