Servidor é demitido após ser acusado de fazer sexo em ônibus escolar

Imagens filmadas por um homem indignado com a situação mostram o servidor de costas, sem camisa, dentro do ônibus

Um servidor da Prefeitura de Escada, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, foi exonerado do cargo após ter sido acusado de ter feito sexo dentro de um ônibus escolar do município. O episódio ocorreu nessa quinta-feira (25/11).

Imagens filmadas por um homem indignado com a situação mostram o servidor de costas, sem camisa, dentro do ônibus. Aparentemente, o ato já havia se encerrado e não aparece ninguém com ele.

No vídeo, o homem ainda grita que vai denunciar o caso à prefeitura. “A minha filha está ali com falta de ônibus e você fazendo isso. Vou mostrar à prefeita o que você está fazendo com o ônibus da prefeitura”, diz.

Por nota, a prefeitura informou que o servidor foi exonerado por “conduta indevida”. O órgão acrescentou que “não compactua com atitudes como a ocorrida” e que “tomou as medidas administrativas cabíveis, exonerando imediatamente o servidor contratado”.