Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
HOME > blogs > ARIVALDO MAIA
Imagem ilustrativa da imagem Semifinais do Carioca têm datas e horários confirmados; Vasco e Nova Iguaçu será no Maracanã

BLOG DO
Arivaldo Maia

Semifinais do Carioca têm datas e horários confirmados; Vasco e Nova Iguaçu será no Maracanã

Jogo acontecerá no domingo, a partir das 18h30. Flamengo e Fluminense se enfrentam às 21h do sábado.

O Maracanã foi liberado para a partida entre Vasco e Nova Iguaçu, pela ida das semifinais do Campeonato Carioca, que acontecerá no próximo domingo, às 18h30. O pedido feito pelo cruz-maltino foi atendido pela Ferj, que divulgou a tabela detalhada no início da noite da segunda-feira passada.

Além disso, a outra semifinal, entre Fluminense e Flamengo, foi confirmada para às 21h do sábado, também no Maracanã. A própria dupla concordou em deixar o rival jogar no local no dia seguinte, para evitar mais desgastes na relação.

A federação ainda não detalhou as informações sobre as partidas de volta, que acontecem no fim de semana seguinte. Flamengo e Nova Iguaçu serão mandantes, por conta da melhor campanha na Taça Guanabara, e terão a vantagem de dois resultados iguais.

Entenda o trâmite

Segundo informado anteriormente pelo blog do Diogo Dantas, o pedido do Vasco já havia chegado às mãos de Fla-Flu desde cedo, e ambos avaliariam se diriam "sim" através do consórcio que administra o estádio.

A análise sobre a resposta se debruçou no regulamento da competição, que diz que a semifinal precisa acontecer em um estádio com condições de ter torcida dividida meio a meio.

Além do Maracanã, o estádio Nilton Santos e Volta Redonda foram considerados como alternativas. A Ferj determina em regulamento que o Maracanã é o palco obrigatório para a final do Estadual.

Flamengo e Fluminense, de um lado, e Vasco do outro, concorrem na licitação para administração do estádio a longo prazo. Na semana passada, o Vasco foi à Justiça para tentar cancelar a licitação e teve seu pedido negado.

Arivaldo Maia com Redação do EXTRA

Tags