Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
HOME > blogs > ARIVALDO MAIA
Imagem ilustrativa da imagem CSA: Niltinho tem média baixa de jogos desde sua saída do Brasil

BLOG DO
Arivaldo Maia

CSA: Niltinho tem média baixa de jogos desde sua saída do Brasil

Imagem ilustrativa da imagem CSA: Niltinho tem média baixa de jogos desde sua saída do Brasil
Atacante Niltinho voltou para defender o CSA - (Foto: Morgana Oliveira/CSA)

Novo reforço azulino estava atuando na Macedônia do Norte, antes de vir para o clube alagoano.

Contratado pelo CSA para as competições deste ano, o atacante Niltinho possui uma média baixa de jogos por temporada, desde a sua saída do futebol brasileiro, em 2022. São apenas 19 confrontos disputados. O jogador azulino estava atuando na Macedônia do Norte, antes de vir para o clube alagoano.

Quando deixou o Brasil, o agora atacante do Azulão jogou em três clubes: Panachaiki (Grécia), Valletta (Malta) e Shkupi (Macedônia do Norte). Na temporada 2022/2023, Niltinho só entrou em campo oito vezes, pelos clubes grego e maltês. Já na Macedônia, ele apareceu com mais frequência, pois disputou 11 partidas.

Ainda na Grécia, o atleta teve uma passagem decepcionante. Isso porque, depois de pouco tempo por lá, aceitou a proposta do futebol de Malta, onde participou de apenas seis jogos, caracteróstica sendo titular em cinco, e não fez nenhum gol.

No Shkupi, equipe do país macedônio, onde atuou na temporada 2023/2024, os números de Niltinho até que melhoraram: nos 11 jogos em que atuou, marcou quatro gols. A última vez ele que entrou em campo foi no dia 26 de novembro de 2023, quando jogou apenas no segundo tempo.

O nome de Niltinho ainda não apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e o CSA segue rezando e aguardando para que o atacante seja, enfim, regularizado. Com se trata de um atleta que tem como principal qualidade, sua velocidade, seu passado recente não indica que esteja pronto para iniciar o Alagoano/24, como titular.

Arivaldo Maia e Fernanda Medeiros - Jornalista da Gazetaweb

Tags

CSA