Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
HOME > blogs > ARIVALDO MAIA
Imagem ilustrativa da imagem Com gol de Léo Pereira, CRB vence Murici e é vice-líder do Estadual

BLOG DO
Arivaldo Maia

Com gol de Léo Pereira, CRB vence Murici e é vice-líder do Estadual

Jogo teve poucas emoções, sobretudo no primeiro tempo - (Foto: A I L T O N  C R U Z)

Galo tem o mesmo número de pontos do CSA, mas perde no saldo de gols; já o Alviverde é o 4º colocado, com 3.

Em busca da liderança do Campeonato Alagoano, o CRB venceu o duelo contra o Murici, por 1 a 0, na noite apassada, (24), no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O confronto foi válido pela segunda rodada da competição.

O Galo agora é o 2º colocado, com 6 pontos, mesmo número de pontos do CSA (líder), mas só que perde pelo saldo de gols. O Murici, por sua vez, ocupa a 4ª posição, com 3 pontos. O gol do time regatiano foi marcado por Léo Pereira, no começo da primeira etapa.

Na próxima rodada, a terceira, o Galo já terá o arquirrival CSA como adversário. O jogo será no mesmo Rei Pelé, no próximo domingo (28), às 16 horas. Enquanto isso, o Verdão terá confronto com o Cruzeiro, no José Gomes da Costa, mas apenas no dia 3 de fevereiro (sábado), também às 16 horas.

1º Tempo

O Murici teve uma boa tentativa aos 9 minutos, em uma falta. Após cobrança pelo lado direito, Mayron desviou de cabeça e a bola passou próximo ao travessão de Matheus Albino, que só fez acompanhar a trajetória.

E não demorou para sair o gol na partida. E foi do CRB, aos 11 minutos. Anselmo Ramon tentou finalizar, foi travado e a bola sobrou para Léo Pereira, que conduziu dentro da área e bateu forte, de direita, para guardar no fundo da rede: 1 a 0. Os jogadores do Murici ainda reclamaram de um toque de braço de Léo Pereira, mas o árbitro validou o gol.

Aos 16 minutos, o Galo tentou mais uma, com perigo. Hereda foi acionado por trás da zaga, cruzu rasteiro, para trás, mas viu a defesa do Verdão tirar o perigo da área. O jogo passava dos 20 minutos e o Murici não tinha um bom ritmo. Aos 25', o Verdão teve uma falta próximo ao bico da grande área. Mas na cobrança de Lima, a bola apenas ficou com o goleiro Matheus Albino.

Aos 28min, o Murici chegou quando Tarcísio recebeu dentro da área, de perna direita bateu muito bem, mas o goleiro regatiano espalmou para escanteio. Na cobrança, pelo lado direito, o assistente deu a saída de bola pelo alto. Apenas tiro de meta para o CRB.

Aos 35', em nova tentativa, o Murici não teve êxito, pois quando Erick tentou cruzar para a área do CRB, a bola bateu nas costas de Falcão e saiu pela linha lateral. Aos 38 minutos, Lima levantou a pelota na área do CRB e a zaga afastou sem problema.

Chegando aos 40 minutos, o Galo administrou o placar e conseguiu segurá-lo até o apito final do árbitro, que foi dado aos 47 minutos, com os dois minutinhos de acréscimos concedidos pelo dono do apito.

2º Tempo

A segunda etapa começou morna, sem grandes emoções. Pelo menos até os 10 minutos, não houve nenhuma jogada de importância, por parte de nenhum dos dois times, apesar de ambos terem mudando suas posturas em relação ao 1º tempo. No entanto, Murici chegava mais.

Exatamente aos 10min, a equipe regatiana fez uma boa jogada no meio, quando Jorginho colocou a bola entre as pernas do marcador, dando aquela caneta no adversário. Chegando aos 15 minutos, o técnico Daniel Paulista passou a fazer modificações no Galo. A mesma coisa fez o técnico Alyson Dantas, no Verdão.

Aos 17 minutos, o Murici chegou assustando. Justamente com Canga, que tinha acabado de entrar. Ele pegou a sobra da jogada, colocou a bola na cabeça de Alfredo, que cabeceou, mas foi direto para fora, para alívio dos regatianos. Aos 19', de novo o Verdão: Mayron bateu uma falta muito bem e acertou a trave do Galo. Por pouco não saiu o empate.

A partida passava dos 20 minutos e o CRB tentou aos 21', quando o volante, Rômulo pegou a sobra de fora da área e bateu rasteiro, mas viu o goleiro Alexandre encaixar, segurando bem a redonda. Aos 25 minutos, o time alviverde respondeu, com uma falta. Mucuri bateu ensaiado, mas a cobrança deu em nada.

O CRB diminuiu o ritmo, parecendo que os jogadores estavam se preservando, de olho no clássico de domingo, contra o CSA. O Galo era totalmente diferente do que foi na etapa inicial, o que deixava sua torcida apreensiva. E o Murici apenas girava a bola no ataque. Aos 35 minutos, Fábio Alemão, do Galo, foi ao ataque, cruzou para a área do Murici e a defesa alviverde afastou.

Aos 36min, Alejandro Viniegra, que tinha acabado de entrar no Galo, desceu pela direita, cruzou por baixo, mas Mayron, atento, tirou o perigo da área do Murici. Em seguida, o Murici tentou. Mazinho chutou forte, de fora da área, mas mandou sem direção, longe do gol regatiano. Nesse período, o Murici também fez mais mudanças na equipe.

Aos 39min, Vitinho, do CRB, recebeu a bola nas costas de Lima, desabou no gramado e pediu o pênalti, mas o árbitro não foi na dele e mandou apenas o jogo seguir. Aos 43, o Verdão teve uma falta em seu favor, mas Kleber bateu muito mal. O árbitro deu 5 minutos de acréscimos e, aos 50 minutos, ele encerrou o jogo.

Ficha Técnica

CRB - Matheus Albino; Hereda (Matheus Ribeiro), Fábio Alemão, Saimon e Willian Formiga (Vitinho); Falcão, Rômulo (João Pedro) e Jorginho (Alejandro Viniegra); Léo Pereira, Mike (Welder) e Anselmo Ramon. Técnico: Daniel Paulista.

Murici - Alexandre; Lima, Alex, Mayron e Erick; Mazinho, Felipe e Ciel (Canga); Rodrigo Mucuri (Kleber), Alfredo (Riquelme) e Tarcísio (Tadeu). Técnico: Alyson Dantas.

Arivaldo Maia com texto da Jornalista Fernanda Medeiros

Tags