Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

“Teremos nova enchente”, prevê prefeito de Lajeado (RS)

Estado do Rio Grande do Sul voltou a registrar chuvas intensas e prolongadas no final de semana


				
					“Teremos nova enchente”, prevê prefeito de Lajeado (RS)
Estragos causados pela chuva em Lajeado neste domingo (16). Prefeitura de Lajeado

Depois da elevação muito rápida do nível do Rio Taquari, a cidade de Lajeado voltou a entrar em alerta para novas enchentes. A cidade foi uma das mais afetadas pelas chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul no começo do mês de maio e ainda se recupera dos impactos e transtornos da tragédia.

“Teremos enchente. Esta não atingirá os índices do mês de maio, mas teremos uma nova enchente”, afirmou à CNN o prefeito Marcelo Caumo.

Leia também

Às 11h45 desta segunda-feira (17), o Rio Taquari já tinha alcançado 23,20 metros, apenas meio metro abaixo da cota de inundação. A elevação foi muito rápida, ultrapassando um metro por hora. No início da noite a prefeitura já orientava os moradores que procurassem a Defesa Civil.

Os problemas devem afetar vários municípios gaúchos. À CNN, a prefeitura de Caxias do Sul disse que novas enchentes afetando casas dependerão do volume das chuvas nas próximas horas.

Eles afirmam que as chuvas desse final de semana ‘causaram pontuais danos estruturais até o momento em estradas e estruturas de drenagem, com exceção de alguns pontos com formação de grandes poças de água em certas vias’.

A Estrada Claudino Antônio da Costa, que liga o município à Santa Lúcia do Piaí, voltou a ser bloqueada por causa dos deslizamentos. Em alguns locais as chuvas bateram 160 a 180 milímetros. Há cinco estradas bloqueadas e cinco pontes submersas pelos alagamentos.

A Climatempo prevê que possa haver chuva expressiva até a quarta-feira (19) em grande parte do Sul do país. A consultoria meteorológica destaca chuva acumulada entre 200 e 300 milímetros no centro-norte e no noroeste do Rio Grande do Sul e no centro-sul de Santa Catarina. A área abrange a Região Metropolitana de Porto Alegre, Vales do Sinos, Jacuí e Caí e em trechos de serra e planalto.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas

X