Facebook apresenta novas ferramentas para conversas entre clientes e empresas no WhatsApp e Instagram

Foco da rede social na conferência de desenvolvedores F8 Refresh são melhorias para facilitar atendimento por meio de seus aplicativos de mensagens

O Facebook anunciou novas soluções para empresas conversarem com clientes pelo WhatsApp e Instagram. As novidades fazem parte da F8 Refresh, conferência da rede social para desenvolvedores realizada nesta quarta-feira (2).

No WhatsApp Business, versão corporativa do aplicativo de mensagens, as empresas terão como oferecer mais informações rápidas aos clientes. As conversas poderão contar com mensagens automáticas sobre o andamento de pedido ou o retorno de um produto ao estoque, por exemplo.

O serviço vai permitir ainda que clientes respondam a perguntas de múltipla escolha para não precisarem digitar nada. A ideia é permitir respostas curtas para que o atendimento fique mais ágil.

As empresas também conseguirão implementar mais rapidamente a API (Interface de Programação de Aplicações, na sigla em inglês) do WhatsApp Business, um conjunto de funções que permite acessar as conversas em outros softwares.

As mudanças nas conversas entre empresas a clientes ocorrem após o WhatsApp atualizar sua política de privacidade. Os novos termos entraram em vigor em 15 de maio, mas o aplicativo segue permitindo o acesso de usuários que ainda não aceitaram a alteração.

Segundo o Facebook, a instalação levava semanas e, agora, poderá ser concluída em cinco minutos.

A decisão foi tomada após um acordo do serviço com autoridades brasileiras para manter o funcionamento por pelo menos 90 dias.

A nova política do WhatsApp prevê que dados gerados em interações com contas comerciais, como as de lojas que atendem pelo aplicativo, podem ser usadas por empresas para direcionar anúncios no Facebook e no Instagram.

Com a mudança, o mensageiro também passa a prever uma coleta de informações maior. Entre elas, estão carga da bateria, operadora de celular, força do sinal da operadora e identificadores de Facebook, Messenger e Instagram que permitem cruzar dados de um mesmo usuário nos três serviços.

Conversas com empresas no Instagram

O Facebook já oferece ferramentas para empresas conversarem com clientes pelo Messenger desde 2016. Agora, elas também poderão realizar o atendimento pelo Direct do Instagram, que teve a API liberada.

As marcas poderão administrar as mensagens de clientes no Instagram por meio plataformas de terceiros. O objetivo, segundo o Facebook, é contribuir para conversas que aumentem a satisfação dos clientes e levem a mais vendas.

“Nossa visão é de que a mensageria seja a principal forma de comunicação entre as pessoas e as empresas”, afirmou o diretor de plataforma de parcerias do Facebook, Konstantinos Papamiltiadis.

“Queremos torná-la o mais conveniente, discreta e personalizada possível, nos mesmos aplicativos e recursos familiares que já são usados para se comunicar com a família e amigos hoje”, continuou o executivo.

Chamadas de vídeo em realidade aumentada

O software de realidade aumentada Spark AR também teve uma atualização. A ferramenta ganhou um recurso para desenvolvedores criarem experiências imersivas durante chamadas de vídeo.

Por meio da API conhecida como Multipeer, o Spark AR poderá ser usado para criar efeitos que façam os usuários se sentirem no mesmo lugar que outra pessoa.

O Facebook afirmou que, com a mudança, usuários distantes poderão simular que estão juntos no espaço ou ao redor de uma fogueira, por exemplo.

“Esse novo recurso de formato longo abre novas possibilidades empolgantes para criadores e desenvolvedores criarem experiências de RA para chamadas de vídeo no Messenger, Instagram e Portal”, afirmou Papamiltiadis.