MPAL abre procedimento para apurar desvios de recursos na Uneal

O órgão ministerial já tinha instaurado uma notícia de fato assim que recebeu uma representação dando conta de possíveis irregularidades na instituição de ensino

O Ministério Público de Alagoas (MPAL) abriu procedimento preparatório para aprofundar a investigação sobre denúncia de desvio de recursos públicos na Universidade Estadual de Alagoas (Uneal).

O órgão ministerial já tinha instaurado uma notícia de fato assim que recebeu uma representação dando conta de possíveis irregularidades na instituição de ensino, mas o prazo regimental para a apuração preliminar havia esgotado.

A promotora Gilcele Dâmaso de Almeida Lima, da 20ª Promotoria de Justiça da Capital, compreendeu que havia necessidade de esclarecimentos na investigação dos relatos feitos na denúncia.

A instauração do procedimento preparatório foi publicada na edição desta segunda-feira (23), do Diário Oficial Eletrônico do MPAL.

Este tipo de apuração pode acarretar na abertura de inquérito civil ou na propositura de ação civil pública, caso os desvios de recursos públicos sejam comprovados. Na hipótese de não ser constatada a irregularidade, o procedimento poderá ser arquivado

Apesar desta providência tomada, o Ministério Público não detalhou o montante em dinheiro que pode ter sido desviado e em qual período o suposto ilícito aconteceu.