Kassab entra na disputa com Renan Filho por vaga de vice de Lula

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, dá sinais claros a aliados de que está na disputa para ser candidato a vice-presidente na chapa do presidente Lula. O peso político nacional e a construção de palanques do PSD em vários estados pode sepultar de forma antecipada o desejo manifestado do governador Renan Filho de ser o escolhido como vice na chapa do ex-presidente.

Para petistas ouvidos pela reportagem, um desses sinais seria a articulação de candidaturas competitivas do PSD a governador e a senador nos estados. Esses candidatos ofereceriam palanques para a eventual chapa da qual o partido participaria, a qual, para integrantes do PT, poderia ser a do ex-presidente Lula.

Lideranças petistas ressaltam o movimento de Kassab principalmente no Sudeste, região mais populosa do Brasil e importante para assegurar a vitória de Lula. Lá, o presidente do PSD articula candidaturas a governador em São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, os três estados com maior população do país.

Desde o início de 2021, Kassab tem se reunido com lideranças do PT para conversar sobre as eleições do próximo ano. Em maio, ele esteve com o ex-presidente Lula em Brasília. No mês seguinte, o dirigente do PSD almoçou com o ex-ministro José Dirceu em São Paulo.