Dantas e Cunha disputam o segundo turno pelo governo de Alagoas

Paulo Dantas ficou com pouco mais de 46%, enquanto Rodrigo Cunha atingiu quase 27%

A eleição para governador em Alagoas vai para o segundo turno. E a disputa será entre o atual mandatário, Paulo Dantas (MDB), e Rodrigo Cunha (União Brasil). O resultado foi definido às 23h11 deste domingo (2), quando 100% das urnas foram apuradas. O segundo turno ocorrerá no dia 30 de outubro, também num domingo.

Paulo Dantas ficou com 46,64 %, o equivalente a 708.984 votos, enquanto Rodrigo Cunha atingiu 26,79%, com 407.220 eleitores. Collor (PTB) ficou em terceiro lugar, alcançando 14,71%, uma quantidade de 223.585 votos. Em quarto ficou Rui Palmeira (PSD), com 10,38% ou 157.746 votos.

Cícero Albuquerque (PSOL) fez 1,19%, conseguindo obter 17.749 votos. Luciano Fontes (PMB) obteve 2.737 (0,18%) e Luciano Almeida (PRTB) conseguiu 2.110, um percentual de 0,14%.

Nas redes sociais, Dantas agradeceu ao Estado de Alagoas pelo resultado das urnas.

"OBRIGADO, Alagoas! Seguiremos ainda mais fortes para o segundo turno. Meu coração está muito feliz e tranquilo de que fizemos uma campanha linda. Tenho ao meu lado mais de 46% dos alagoanos querendo seguir mudando. Vamos JUNTOS. Eu disse: JUNTOS! Alagoas é daqui pra melhor".

Em entrevista à imprensa, Cunha disse que "aliados de primeira hora se envolveram diretamente para tentar matar essa eleição em um turno só".

"O que aconteceu no primeiro turno, onde era todos contra um, agora vai ser um duelo e eu estou preparado para isso. A nossa força de união com a Jó Pereira e com todos aqueles que sabem que Alagoas merece mais é muito forte. Falamos diretamente com o povo alagoano e conseguimos alcançar este resultado de forma legítima. Vamos crescer juntos, que Alagoas merece mais".

Em Alagoas, mais de dois milhões foram às urnas neste domingo, em votação com recorde de filas. Até às 19h, enquanto algumas urnas já estavam sendo computadas, colégios eleitorais ainda estavam com eleitores para votar.