Arthur Lira diz que vai fazer Reforma Tributária com segurança jurídica e no menor tempo possível

Nesta terça (4), o presidente da Câmara dos Deputados sustou a Comissão Especial que apresentava o relatório do projeto de lei

Nesta terça-feira (4), o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL), sustou a Comissão Especial que apresentava o relatório do projeto de lei da Reforma Tributária. No momento, ele afirmou que pretende fazer uma reforma com segurança jurídica e no menor tempo possível.

Segundo Arthur Lira, a decisão de interromper a comissão veio após um parecer técnico. “O objetivo é preservar a tramitação da reforma tributária, com segurança jurídica. Quero agradecer o relatório do deputado Aguinaldo Ribeiro", afirmou Lira.

O presidente ainda ressaltou que a antiga comissão estava com tempo expirado há mais de um ano. Além disso, ele anunciou que partes do relatório, que estava sendo apresentado, devem ser aproveitadas pela nova comissão.

"Tudo tem de estar dentro da lei e do regimento. Agora, vamos fazer um modelo de tramitação eficiente para que possamos aprovar a reforma tributária possível no prazo mais rápido. Eu sempre digo: entre o tudo e o nada, eu prefiro o melhor possível. É o que faremos", informou Arthur Lira.

O presidente da Câmara ainda adiantou que os caminhos da tramitação da PEC 45 serão debatidos com os líderes dos partidos, quando será decidido se o modelo será por renda, por consumo ou fatiado.

*com informações da assessoria de imprensa.