Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > POLÍCIA

Pai que confessou ter matado filho envenenado é indiciado pela PC

O jovem confessou o crime e disse que envenenou a criança para se vingar da ex-companheira


				
					Pai que confessou ter matado filho envenenado é indiciado pela PC
Matheus Soares Omena dos Santos, de 24 anos, confessou o crime. Felipe Sóstenes

A Polícia Civil de Alagoas (PC/AL) indiciou Matheus Soares Omena dos Santos, de 24 anos, pelo assassinato do próprio filho, Anthony Levy Nascimento dos Santos, de quatro anos. O jovem confessou o crime e disse que envenenou a criança para se vingar da ex-companheira e mãe da criança por causa de desavenças pós-separação.

Matheus Omena foi indicado pelo crime de homicídio qualificado pelo uso de veneno e majorado em ⅔ por ter sido praticado pelo ascendente da vítima menor de 14 anos. O crime também pode ter sua pena agravada tendo em vista que foi premeditado.

Leia também

Segundo a polícia, as investigações começaram no dia 28 do mês passado após a criança passar mal na escola, no bairro São Jorge, em Maceió. “As circunstâncias indicaram possível envenenamento, levando à coleta de testemunhos e análises de evidências”, cita o inquérito.

Imagens de câmeras de segurança mostram a criança e o pai chegando à escola, bem como mostram o pai jogando um objeto no pátio da escola. “Um pequeno recipiente plástico contendo uma substância granulada foi encontrado e relacionado a Matheus, levando à sua detenção e subsequente confissão de envenenamento do filho”, diz outro trecho do inquérito.

Depoimentos de funcionários da escola narram que Anthony passou mal e foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jacintinho, onde faleceu. Um comerciante do bairro Jacintinho confirmou à polícia ter vendido veneno do tipo "chumbinho" a Matheus na semana anterior ao incidente. A transação foi realizada com cartão de débito no valor de R$ 13,00.

Matheus Omena confessou ter envenenado Anthony com "chumbinho" colocado no mingau que o filho consumiu antes de ir à escola no dia 27 de maio. “Matheus declarou que seu ato foi motivado por vingança contra a mãe de Anthony, devido a conflitos pós-separação”, conclui o inquérito.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas