Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > POLÍCIA

Marido é preso após bater na esposa durante ressaca de carnaval

Suspeito foi flagrado por policiais e resistiu à prisão; violência ocorreu durante festa de ressaca carnavalesca em Marechal Deodoro

Um homem de 27 anos foi preso após ser flagrado por policiais agredindo a companheira durante uma ressaca de carnaval em Marechal Deodoro, na Região Metropolitana de Maceió. O suspeito também resistiu à abordagem policial. O fato foi registrado na madrugada deste sábado (17).

De acordo com a Polícia Militar de Alagoas (PMAL), uma guarnição do BOPE fazia patrulhamento na Massagueira, onde havia um evento carnavalesco. Os agentes foram avisados por populares que um homem estava agredindo uma mulher em público. Ao dirigir-se ao local apontado, os policiais encontraram o homem segurando a companheira pelos cabelos e a agredindo com empurrões.

Artigos Relacionados

A guarnição se aproximou do indivíduo e ordenou que ele pusesse as mãos para cima, para que fosse iniciada a busca pessoal e a abordagem padrão. O homem, no entanto, se recusou a cumprir a ordem policial e resistiu à prisão, sendo necessário o uso da força, de acordo com o relatório da Secretaria de Segurança Pública de Alagoas (SSP/AL).

O suspeito foi conduzido à Central de Flagrantes e preso com base na Lei Maria da Penha.

DENUNCIE

Qualquer pessoa que presenciar alguma situação de violência de gênero pode fazer a denúncia pelo número 181, do Disque-Denúncia. O atendimento é 24 horas e a ligação é gratuita. Não é necessário se identificar e o sigilo é garantido. Sua denúncia também pode ser feita pelo site Disque Denúncia ou pelo aplicativo Disque Denúncia AL.

No site da Chefia de Políticas de Segurança à Mulher da SSP podem ser encontrados todos os contatos e endereços de toda a Rede de Apoio disponível às vítimas de violência de gênero em Alagoas.

Em caso de risco iminente, disque 181 ou 190.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Relacionadas