Musa do golfe compara sexo oral ao teste de Covid e adverte homens

'Agora você sabe exatamente como é para as mulheres o tempo todo', diz a atleta

A ex-golfista profissional Paige Spiranac comparou um dos testes realizados para a Covid-19 ao sexo oral durante seu podcast "Playing A Round". Ao lado de Josh Temple, a norte-americana, de 27 anos, falava sobre o novo coronavírus e a maneira desconfortável pela qual alguns exames são feitos para detectar a Covid-19.
"Quando fiz o teste e fiz eu mesma, fiquei tão nervosa pois não estava colocando fundo o suficiente", disse.
"Então eu continuei empurrando meu nariz ainda mais fundo, porque eu queria ter certeza de que estava fazendo certo ? não era divertido", relatou.
Temple lembrou que existe a possibilidade do teste pela boca.
Paige respondeu: "Esse é o mais desagradável, eles contam 20 segundos e giram em torno da sua boca".
A ex-golfista aproveitou a sua própria resposta para alfinetar os homens e comparar o teste ao sexo oral:
"Bem, agora você sabe exatamente como é para as mulheres o tempo todo", soltou Spiranac.
"Caras são tão idiotas. Eles têm algo na boca e ficam tipo ?oh não, isso é tão desconfortável'".
"Então agora você sabe e talvez pense duas vezes da próxima vez", completou.
Com destaque durante sua carreira como golfista no circuito amador, Paige não conseguiu repetir no profissional o mesmo desempenho. Com isso, ela optou por se dedicar como influenciadora e podcaster, principalmente em assuntos relacionados ao golfe.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p