Mais quatro países em três continentes confirmam os primeiros casos de Codiv-19

Azerbaijão, Bielorrússia, País de Gales e Nova Zelândia tiveram primeiros registros. Brasil tem 132 casos suspeitos

Bielorrússia, País de Gales e Nova Zelândia tiveram os primeiros registros do novo coronavírus nesta sexta-feira (28), depois de a Nigéria se tornar o terceiro país do continente africano a ser atingido pela Covid-19, a doença causada pelo vírus, na quinta-feira (27).
Em Hong Kong, exames feitos em um cachorro detectaram a presença do novo vírus, segundo informações do governo do território semiautônomo.
Destaques sobre o coronavírus nesta sexta:
Brasil
O país tem 132 casos suspeitos, segundo levantamento de quinta (27) do Ministério da Saúde.
Europa
Bielorrússia e País de Gales registraram os primeiros casos da doença.
A Itália tem 650 casos confirmados da doença, 122 a mais que no último levantamento, segundo dados da agência de proteção civil italiana. 14 pessoas morreram por causa da doença no país. A maioria dos casos está na Lombardia, no norte: 403.
África
Nigéria confirmou o primeiro caso do país na quinta-feira (27). O paciente, um italiano que trabalha no país e viajou de Milão a Lagos no dia 25 de fevereiro, está clinicamente estável e sem sintomas sérios, segundo o governo. É o terceiro caso no continente africano - os primeiros foram no Egito e na Argélia - e o primeiro na África subsaariana.
Oriente Médio
O Irã tem 34 mortes confirmadas, 8 a mais que em levantamento anterior do governo; o país tem o número de mortes mais alto fora da China. São 388 casos no país.
Ásia
O Azerbaijão confirmou o primeiro caso da doença. Segundo a agência de notícias "Interfax", o paciente é um cidadão russo que chegou ao país pelo Irã. O Azerbaijão fica na fronteira noroeste iraniana.
A China tem 78.959 casos confirmados de Covid-19, com 2.791 mortos.
Outros países
Nova Zelândia confirmou o primeiro caso nesta sexta (28). O paciente está na casa dos 60 anos e chegou ao país na quarta-feira (26) em um voo vindo de Teerã e que passou por Bali, na Indonésia, de acordo com o ministério da Saúde do país.