Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

EUA passam a exigir testes negativos de coronavírus para entrada no país

Viajantes com origem no Brasil continuam proibidos de entrar nos Estados Unidos.

Todos os passageiros que quiserem entrar nos Estados Unidos a partir de 26 de janeiro deverão apresentar um resultado negativo para teste de coronavírus feito três dias antes da viagem, de acordo com determinação do CDC divulgada nesta terça-feira (12).

Também será aceita documentação que comprove que a pessoa se recuperou da Covid-19.

Leia também

A decisão não interfere na proibição à entrada de viajantes com origem no Brasil nos Estados Unidos, que continua em vigor.

A intenção é evitar a disseminação da nova variante do coronavírus, que tem maior poder de contaminação.

Segundo o comunicado do CDC, um teste obrigatório antes do embarque, combinado com as recomendações do CDC para fazer o teste novamente 3 a 5 dias após a chegada e a permanência em casa por 7 dias após a viagem, ajudará a desacelerar a disseminação da Covid-19 nos EUA causadas por pessoas vindas do exterior.

As companhias aéreas devem confirmar o resultado negativo do teste para todos os passageiros ou documentação de recuperação antes de embarcar.

Se um passageiro não fornecer a documentação de teste negativo ou que comprove recuperação da Covid-19, ou optar por não fazer o teste, a companhia aérea deve negar o embarque.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X