Vigilância Sanitária apreende 800kg de alimentos estragados em dois supermercados na Serraria

Órgão informou que, em apenas um dos estabelecimentos, os inspetores retiraram de comércio 500 kg de produtos que estavam fora do prazo de validade

Cerca de 800kg de alimentos inapropriados para consumo foram apreendidos durante operação da Vigilância Sanitária (Visa), nesta quinta-feira (13), em dois supermercados de médio porte do bairro Serraria, na capital alagoana. Entre os alimentos encontrados estão carne, queijo e linguiça.

Segundo o órgão, em apenas um dos estabelecimentos, os inspetores retiraram de comércio 500 kg de produtos que estavam fora do prazo de validade, ficando impróprios para consumo. Após a confiscação, o material foi direcionado para o aterro sanitário, no bairro Benedito Bentes.

O coordenador da Visa em Maceió, José Airton, esclareceu que as ações de fiscalização têm sido constantes. Há duas semanas, o órgão apreendeu uma tonelada de carne suína, bovina, peixe e mortadela nos Mercados da Produção, Jacintinho e Village Campestre.

José Airton ainda informou que os supermercados flagrados distribuindo alimentos estragados cometeram infração e estão submetidos à multa, que varia entre R$ 180 e R$ 19 mil, em conformidade com a gravidade do problema.

“Vamos realizar fiscalizações também na sexta-feira e durante todo o fim de semana para garantir que a população não seja lesada, levando para a mesa produtos fora da validade, estragados e que causem danos à saúde. As operações são uma determinação do prefeito JHC e a Visa tem feito seu papel”, enfatizou o coordenador.

De acordo com Airton, o retorno dos fiscais aos estabelecimentos autuados é de fundamental relevância para a consolidação do trabalho. "O retorno aos lugares, depois de apreensão e autuação, é uma forma de ratificar os procedimentos previstos em lei”, assegurou o coordenador da Vigilância Sanitária.