Famílias ocupam supermercado em protesto por cestas básicas

Moradores do Reginaldo, Vergel e Vila Emater denunciam fome e caristia de produtos; movimento tem caráter nacional

Dezenas de famílias ocupam, neste sábado (9), as dependências do Supermercado Carrefour, na Gruta de Lourdes. O objetivo é reivindicar cestas básicas para moradores do Vale do Reginaldo, do Vergel do Lago e da Vila Emater.

Por telefone, o coordenador do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB), Jardel Wandson, destacou que o movimento faz parte da Campanha Natal Sem Fome, que acontece hoje, em todas as regiões do país, e busca denunciar a situação de caristia e miséria.

"Vemos uma rede de supermercado como essa, abarrotada de alimentos. Um monopólio que gera acúmulo de riqueza e contribui para a desigualdade social".

Famílias ocupam supermercado em protesto por cestas básicas - Foto: Cortesia

Munidas com faixas e cartazes, além de palavras de ordem, as famílias entraram no estabelecimento e pretendem ficar no local até uma posição favorável por parte da administração. "Nós queremos o mínimo, ou seja, as cestas básicas para o nosso Natal. É um protesto pacífico", disse Jardel.

No momento, conforme informou o coordenador, acontece uma reunião com líderes nacionais, a fim de dialogar sobre as necessidades das famílias.

Famílias ocupam supermercado em protesto por cestas básicas - Foto: Cortesia

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p