Eleição para Conselho Regional de Contabilidade tem início nesta terça-feira (23)

Votação nacional será on-line e obrigatória para todos os contadores e técnicos de AL

Profissionais contábeis de todo o Brasil escolhem, nesta terça e quarta-feira (23 e 24), os novos membros dos Conselhos Regionais de Contabilidade. A votação será on-line e obrigatória para contadores e técnicos, podendo gerar multa para os ausentes.

Nesta eleição, serão escolhidos dois terços da composição dos conselhos de cada Estado brasileiro e Distrito Federal. Para o CRC de Alagoas, serão renovadas oito vagas de conselheiros efetivos e mais oito de suplentes, para um mandato de quatro anos. Também será eleito um conselheiro suplente de mandato complementar até 2023.

No CRCAL, estão registrados 4.070 profissionais da classe contábil, sendo 3.016 contadores e 1.054 técnicos em contabilidade. A eleição ocorre com chapa única para um mandato até 2025.

“Para nós, do CRCAL, é uma conquista poder reunir uma chapa de consenso, composta por profissionais de grande experiência, formação acadêmica, pluralidade profissional e muita vontade de trabalhar pela classe contábil. Por isso, convocamos todos os contadores e técnicos a participar da votação on-line e registrar seu voto”, destaca o contador José Vieira, atual presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Alagoas e membro da chapa 1.

CARTA-SENHA

Vieira explica que a eleição do CRCAL ocorre seguindo as regras e o sistema de votação eletrônico estabelecidos pelo Conselho Federal de Contabilidade, instância superior da classe.

Em Alagoas, estão aptos a votar os contadores e técnicos sem pendências com o CRCAL. Serão dois dias de votação (23 e 24), e, para votar, os profissionais devem, primeiro, conferir a Carta-senha, enviada para o e-mail profissional cadastrado.

O número provisório permite acesso ao sistema eleitoral, hospedado no site www.eleicaocrc.org.br. O eleitor deve então cadastrar uma senha individual e registrar o voto.

Pelas regras do CFC, os profissionais que não votarem e não justificarem a ausência em até 30 dias terão de pagar uma multa correspondente a 20% da anuidade do técnico em contabilidade, no valor de R$ 100,60.

“Reforçamos que, assim como nas eleições tradicionais, nosso direito ao voto é uma obrigação. Caso algum profissional não tenha recebido a carta-senha, pode acessar o site da eleição e clicar em ´recuperar senha´, facilitando assim o cumprimento deste dever com a nossa categoria contábil”, finaliza o presidente José Vieira.