Cinco dias após ser baleado durante tentativa de assalto, PM aposentado segue internado no HGE

Segundo o hospital, Genival está na Área Verde e seu quadro de saúde é considerado estável; crime ocorreu no último dia 10

O policial militar aposentado Genival Vicente Ferreira, de 65 anos, segue internado no Hospital Geral do Estado (HGE). Ele deu entrada na unidade hospitalar no último dia 10, após ser baleado por homens armados durante uma tentativa de assalto em sua residência, no bairro do Prado, em Maceió.

Segundo a assessoria do HGE, Genival segue internado na Área Verde do hospital e seu quadro de saúde é considerado estável. O policial precisou passar por um procedimento cirúrgico após ser atingido por dois disparos de arma de fogo.

Um dos suspeitos de balear Genival foi preso na quinta-feira (13), no Conjunto Joaquim Leão, na Ponta Grossa, parte baixa de Maceió. Ele foi encontrado com o celular da vítima, que foi roubado durante o crime.

O caso

Na noite do dia 10 de janeiro, Genival Vicente Ferreira ficou ferido após ter a casa invadida e reagir a um assalto, no bairro Prado. De acordo com informações repassadas à TV Gazeta, a esposa de Genivaldo estava à porta de casa, quando, posteriormente, dois suspeitos - em um carro - se aproximaram dela, a fim de roubar a residência, que estava com o portão aberto.

No momento, os suspeitos renderam a esposa do militar e, em seguida, adentraram na casa, ocasião em que foram surpreendidos por Genival, que tentou negociar com os criminosos. Os suspeitos, por sua vez, atiraram contra o PM, que reagiu ao assalto, sendo ele atingido por dois disparos de arma de fogo.

Genival foi socorrido até o Hospital Geral do Estado (HGE), no Trapiche da Barra, onde precisou passar por uma cirurgia.

O caso segue sendo investigado pelas autoridades policiais de Alagoas.