Trabalhadores de usina encontram ossada em canavial de Limoeiro de Anadia

Documentos de identificação foram encontrados próximo ao corpo, mas não se sabe se pertence a vítima

Trabalhadores de uma usina na Zona Rural de Limoeiro de Anadia, no Agreste de Alagoas, encontraram uma ossada em um canavial nesta terça-feira (15). Segundo informações do 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM), a alguns metros da ossada foram encontrados documentos, mas ainda não se sabe se pertence ao morto.
Os trabalhadores estavam a cerca de 500 metros da AL-220, no povoado de Chapéu do Sol, quando avistaram a ossada e contataram a polícia. Os militares não conseguiram confirmar o sexo do cadáver devido ao estado avançado de decomposição. Uma equipe da Perícia Oficial foi acionada.
Os documentos, que incluem Registro Geral (RG) e Cadastro de Pessoa Física (CPF), encontrados pertencem a José Moacir Gomes da Silva.
O caso será investigado pela Polícia Civil (PC), que acompanhará os resultados do trabalho da Perícia Oficial e fará diligências adicionais.