FPI multa hospitais e Centro de Saúde em dois municípios setanejos

Fiscalização Preventiva Integrada do Rio São Francisco autuou três unidades por crime ambiental, em Santana do Ipanema e Senador Rui Palmeira

A Fiscalização Preventiva Integrada do Rio São Francisco (FPI) multou, durante mais uma ação no interior de Alagoas, três unidades de saúde por crime ambiental, em Santana do Ipanema e Senador Rui Palmeira, ambos municípios sertanejos.
Em Santana, os técnicos do Instituto do Meio Ambiente (IMA) multaram o hospital do município, que funcionava de forma irregular, razão pela qual recebeu três multas na última quarta-feira (11). 
Uma das notificações foi no valor de R$ 257.744,42, em virtude do lançamento de efluentes em um conjunto habitacional daquela cidade.
As demais autuações foram por manejo inadequado de resíduos hospitalares e falta de licença ambiental, que resultaram em multas nos valores de R$ 28.108,73 e R$ 11.395, respectivamente.
Já em Senador Rui Palmeira, o hospital da cidade e um centro de saúde foram autuados pelo IMA por falta de licença ambiental e pelo manejo inadequado de resíduos hospitalares. Segundo os fiscais, tais infrações são recorrentes, sendo flagradas com frequência durante as atividades de fiscalização em municípios sertanejos.