Cerca de 40 fardos de navio nazista já foram recolhidos em cinco municípios alagoanos

Somente no município de Coruripe, prefeitura já recolheu 27 fardos de látex nas praias desde o fim de semana

Cerca de 40 fardos de látex provenientes de um navio nazista já foram recolhidos em cinco municípios do litoral alagoano desde o último fim de semana, conforme levantamento do Instituto Biota de Conservação. Somente em Coruripe, foram 27 fardos contabilizados até o momento. O material deve ser encaminhado para o CTR do Pilar, mas de acordo com a assessoria de comunicação do local, até a tarde desta quarta-feira, nenhum fardo havia chegado.

Apenas nesta quarta-feira (28), a Prefeitura de Coruripe recolheu mais 7 fardos de látex que estavam entre as praias do Miaí de Cima e Miaí de Baixo, totalizando 27 fardos localizados no município. Já em Maceió, em monitoramento feito nesta quarta-feira (28), 5 fardos foram encontrados, sendo três em Guaxuma e outros 2 em Ipioca. No município de Barra de Santo Antônio, no Litoral Norte de Alagoas, foram localizados 3 fardos nas praias de Itabuba, Maré Mansa e Ilha da Croa. Também foi encontrado um na cidade de Paripueira e outro na Barra de São Miguel, em Marechal Deodoro.

Os fardos eram de um navio nazista, que naufragou no litoral nordestino em 1944, segundo estudo do Instituto de Ciências do Mar (Labomar), da Universidade Federal do Ceará (UFC). A descoberta se deu enquanto estava sendo investigada a origem das manchas de óleo nas praias do Nordeste.

As caixas estão aparecendo no litoral de Alagoas desde o último domingo (25). Na segunda-feira (26), a Prefeitura de Coruripe informou que nove caixas foram encontradas no domingo, em trechos da Praia da Pituba, no Poxim, além de mais sete na Ponta da Asa e o Miaí de Baixo. Desde então, os resíduos continuam surgindo nos outros três municípios do estado.