Amor platônico pode ter motivado assassinato de adolescente de 15 anos em Junqueiro

Vítima foi morta a facadas na noite dessa quarta-feira (23); supeito, que também é menor de idade, foi apreendido e confessou o crime

O suspeito de ter matado a facadas a adolescente Alessandra Maria de Araújo, de 15 anos, em Junqueiro, Agreste de Alagoas, pode ter agido de forma criminosa por causa de um amor platônico que tinha pela vítima, conforme aponta relatório policial desta quinta-feira (23). O crime aconteceu na noite dessa quarta-feira (22), e o suspeito, que também é menor de idade, foi apreendido.

Conforme consta no relatório do Centro Integrado de Operações da Segurança Pública (Ciosp), o suspeito teria se encontrado com a vítima e uma colega dela na saída da escola da menor, fazendo o percurso no ônibus escolar com ambas, usando a desculpa de que sua avó residia próximo à casa delas.

No entanto, ao chegar próximo à casa de seus parentes, o suspeito abraçou a vítima como forma de se despedir e, em seguida, desferiu golpes de faca contra a adolescente, fugindo posteriormente.

A menor ainda chegou a ser socorrida até um hospital da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.

Já o suspeito foi apreendido enquanto se aproximava do Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) da cidade. Ao ser detido, ele confessou o crime.

A identidade dele não foi divulgada.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil (PC).