Agreste alagoano registra três mortes por acidente de trânsito no sábado

Uma das vítimas foi um músico, natural de Arapiraca, que morreu após colidir com um carro de passeio

As últimas horas desse sábado (4) registrou diversos acidentes nas estradas que cortam o Agreste alagoano. Entre eles, ao menos três colisões resultaram na morte de três pessoas.

No começo da noite, um músico morreu após colidir a motocicleta com um carro de passeio, em um trecho da AL-110, no bairro Batingas, em Arapiraca. No momento do acidente, o rapaz, identificado como Wagner Vicente Claudino, estava a caminho de uma festa, onde faria uma apresentação.

Em outro acidente, um motociclista morreu após colidir com um animal, em um trecho da rodovia AL-115, entre as cidades de Campo Grande e Olho D'Água Grande. De acordo com testemunhas, a vítima estava indo em direção à residência onde mora, quando um cavalo atravessou a pista.

O jovem chegou a ser socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhado ao Hospital de Emergência do Agreste (HEA), porém não resistiu aos ferimentos. O animal veio a óbito no local.

Um terceiro motociclista também morreu em outro trecho da AL 110, próximo ao Sítio Porteiras, na cidade de Taquarana. De acordo com testemunhas, o condutor da moto foi atingido por um carro de passeio. Com o impacto, o rapaz foi arremessado contra uma cerca e veio a óbito. O corpo foi recolhido por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML).