Idosa alagoana morre atingida por muro que desabou no Rio de Janeiro

Vítima chegou a ser socorrida com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu

A alagoana Creuza Maria da Silva, de 65 anos, morreu, na última quinta-feira (11), após ser atingida por um muro que desabou no prédio do Macaé Trade Center, no município de Macaé, no Rio de Janeiro.

O incidente aconteceu durante a manhã e a idosa chegou a ser socorrida com vida e foi levada até o Hospital Público de Macaé (HPM), mas, à tarde, ela não resistiu aos ferimentos e morreu.

Creuza era Guarda Municipal Sênior do município e estava participando de um evento da GM, próximo ao local onde aconteceu a tragédia, inclusive a foto onde ela aparece nesta matéria foi tirada minutos antes no local onde ocorreu o desabamento.

O corpo da mulher foi recolhido para o Instituto Médico Legal (IML) de Macaé.

Creuza Maria era irmã do enfermeiro Pedro Henrique, integrante do quadro de funcionários da Santa Casa de São Miguel dos Campos e Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município.

*Alagoas Web