Erveiros 'vendem' cura em preparos para banhos e garrafadas

No Mercado da Produção, vendedores de ervas oferecem cura física e espiritual por meio de preparação com plantas medicinais e raízes

A procura da cura pelas ervas e raízes é antiga, mas em 2021, as pessoas ainda recorrem aos banhos com plantas e as tradicionais garrafadas de raízes, que proporcionam cura tanto física quanto espiritual. Em Maceió, no Mercado da Produção, os erveiros vendem de plantas medicinais para banhos a garrafadas para síndromes gripais.

Tradicionais, as garrafadas estão sendo bem procuradas na loja de Leonia Pereira. Normalmente, são combinações de plantas medicinais, podendo conter produtos de origem animal ou mineral, com aguardente ou vinho. Trata-se de uma preparação típica da medicina popular, utilizada no tratamento de enfermidades diversas.

Em Maceió, no Mercado da Produção, os erveiros vendem plantas medicinais - Foto: Clariza Santos

“O que mais tem saído é a garrafada, principalmente anti-inflamatório. Tem saído mais gengibre e xaropes para tosse. Quando não levam o xarope, compram as ervas para fazer chás”, conta Leonia. A garrafada custa em média R$ 15. “A medicina das plantas é muito importante e natural, ajuda a combater e a tratar muitas doenças”, explica.

As plantas usadas em chás também são usadas em compressas ou em banhos, assim como podem ser amuletos decorativos. Rose Marques, da Casa da Cura, conta que os banhos são os mais procurados em sua loja. “As pessoas procuram mais para banhos e curas. Eu trabalho espiritualmente. Para repor as energias, tirar as energias negativas, atrair prosperidade, renovar a área sentimental. É um ciclo, um recomeço”, diz Rose. As principais ervas de proteção são ideais para o cultivo em casa e as melhores para banhos e simpatias de proteção. Em média, o valor do banho é de R$ 30.

Procura da cura pelas ervas e raízes é antiga - Foto: Clariza Santos

“Banho das 7 ervas, que é do descarrego normal, é pra afastar energias negativas, seja na residência ou trabalho, é formado pelas seguintes plantas: arruda, guiné, alecrim, comigo-ninguém-pode, espada de São Jorge, manjericão e pimenteira. Se a pessoa tiver muito pesada, são 21 ervas. Quando digo muito pesado, é aquela pessoa sem vontade de viver já, abrindo muito a boca e sem ânimo”, diz Rose Marques.

Rose diz que a pessoa precisa tomar os banhos e acreditar nas mudanças com pensamentos positivos. “Para ter um recomeço legal, toma o descarrego e depois o banho cheiroso, para ser liberto de angústias e outras negatividades”, orienta.