"Tem que respeitar o Nordeste", diz Samuel após triunfo do Vitória sobre o Inter na Copa do Brasil

Atacante marca o primeiro gol do Rubro-Negro no Beira-Rio e destaca que Colorado era considerado favorito antes do jogo

O Vitória fez aquilo que muitos não esperavam e despachou o Internacional na Copa do Brasil. Depois de ser dominado no primeiro tempo, o time baiano soube aproveitar a vantagem numérica obtida a partir da expulsão de Pedro Henrique: Samuel abriu o placar, Eduardo fez o segundo e Guilherme Santos marcou o terceiro. Johnny ainda diminuiu para o Colorado.

Após a partida, Samuel abriu o verbo. Em entrevista na beira do campo, destacou que o time gaúcho era dado como favorito e pediu respeito aos times do Nordeste.

- Vimos muitos vídeos em que o Inter era favorito. Que jogando mal poderia dar 3 a 0 na gente. E não é assim, não. Tem que respeitar o Nordeste. Palavra de Deus diz que exalta o humilhado e rebaixa o soberbo - afirmou.

O jogador falou sobre o gol marcado e dedicou a vitória desta noite a Rodrigo Chagas, que era técnico do Vitória até a derrota diante do Náutico, no último fim de semana.

- A gente ali da frente tem que estar ligado sempre para qualquer tipo de rebote, bola que sobra. Graças a Deus, eu estava ligado. Fiz o primeiro gol, infelizmente tomamos o empate. Mas lutamos até o final, conseguimos mais dois gols e conseguimos a classificação.

”A gente vem trabalhando muito forte. Queria dedicar essa vitória ao professor Rodrigo Chagas, dispensa comentários. Me ajuda até hoje. Palavra de incentivo sempre. Essa vitória também vai para ele“

A classificação rende ao Vitória uma premiação de R$ 2,7 milhões, valor que é essencial para um clube que convive com problemas financeiros. O adversário nas oitavas da Copa do Brasil será definido por sorteio, ainda sem data.

Antes de voltar a entrar em campo pela Copa do Brasil, o Vitória terá jogos pela Série B. No domingo, às 20h30 (de Brasília), o Rubro-Negro enfrenta o Operário, no Barradão, pela 3ª rodada da Segunda Divisão.

Vitória bateu o Internacional por 3 a 1 no Beira Rio e avançou para as oitavas de final - Foto: Pedro H. Tesch/AGIF