Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > INTERNACIONAL

Uefa passará a organizar Bola de Ouro junto a revista e jornal

Confederação europeia ajudará "France Football" e "L'Équipe" a formatar premiação, que passará a ter novos prêmios para melhores treinadores masculino e feminino

Depois de estar associada à Fifa na última década, a Bola de Ouro, tradicional prêmio destinado aos melhores jogador e jogadora do mundo, passará a ter a Uefa como parceira. A confederação europeia anunciou nesta sexta-feira que passará a organizar a premiação junto ao grupo empresarial Amaury, que é proprietário da revista France Football, fundadora do troféu, e do jornal "L'Équipe".

Em comunicado, a Uefa afirmou que pretende ajudar a fazer o prêmio a crescer e ter alcance mais global. O grupo Amaury seguirá sendo o proprietário da marca "Ballon d'Or" e organizará o sistema de votação, enquanto "a Uefa contribuirá com sua experiência futebolística, comercializará os direitos comerciais globais e organizará a gala anual".

Leia também

O primeiro e maior impacto causado pela chegada da Uefa na premiação do próximo ano será a criação de dois novos troféus: melhor treinador e melhor treinadora da temporada. Os outros prêmios serão mantidos, além da Bola de Ouro masculina e feminina: Troféu Kopa (melhor jogador sub-21), Troféu Yashin (melhor goleiro), Troféu Gerd Müller (maior artilheiro), Melhor clube masculino e feminino e Prêmio Sócrates (melhor ação social).

"Por quase 70 anos, a Bola de Ouro tem sido o prêmio individual de maior prestígio no mundo do futebol e é uma prova da extraordinária habilidade, dedicação e impacto das lendas do esporte e de sua marca duradoura na história do esporte. As competições de clubes e seleções nacionais da Uefa, como a Champions League e a Euro, são consideradas os palcos globais mais importantes para jogadores de elite, desempenhando muitas vezes um papel fundamental na candidatura dos jogadores a grandes honras e no seu lugar no panteão do futebol. Uefa e Bola de Ouro são sinônimos de excelência esportiva, então nossa parceria será uma mistura natural de destaque e uma sinergia que promete ser nada menos que excepcional" disse o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin.

A Bola de Ouro foi criada pela revista France Football em 1956 e se tornou o prêmio de maior prestígio do planeta ao longo dos anos, elegendo o melhor jogador do mundo. Na década de 1990, a Fifa decidiu criar seu prêmio oficial e rivalizou com o troféu até 2010, quando realizou uma parceria com a revista. Entre 2010 e 2015, a Bola de Ouro foi entregue como premiação oficial da Fifa para o melhor jogador de futebol do planeta.

Lionel Messi conquistou a Bola de Ouro em 2023
Lionel Messi conquistou a Bola de Ouro em 2023 | Foto: Franck Fife/AFP

A parceria terminou, e a Fifa resolveu criar o troféu The Best a partir de 2016. Desde então, os dois prêmios vêm dividindo as atenções do mundo do futebol como troféus relevantes, como diferentes critérios e formas de votação. Lionel Messi faturou as duas últimas edições dos prêmios, dadas com base em diferentes períodos de avaliação.

"A Bola de Ouro é o prêmio dos sonhos dos maiores jogadores do mundo. Queremos que a Gala da Bola de Ouro seja um evento global que mostre e destaque o talento dos jogadores de futebol de alto nível nas suas atuações individuais e coletivas, para inspirar todos os talentos do futebol e com o objetivo de reunir a paixão e o entusiasmo de fãs de todo o mundo" pontuou Jean-Étienne Amaury, CEO do grupo Amaury.

Messi conquistou sua oitava Bola de Ouro na última segunda-feira, isolando-se como o maior vencedor da história da premiação. Na mesma cerimônia, Aitana Bonmatí foi eleita a melhor jogadora do mundo. Bellingham levou o Troféu Kopa; Dibu Martínez conquistou o Troféu Yashin; Vinicius Junior faturou o Prêmio Sócrates; o Manchester City foi eleito o melhor clube masculino, e o Barcelona, o melhor feminino.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas