Presidente do PSG não garante permanência de Neymar para próxima temporada

Em entrevista a jornal espanhol, Nasser Al-Khelaïfi afirmou que elenco parisiense terá mudanças, mas não citou nome de brasileiro. Camisa 10 tem mais três anos de contrato

O atacante Neymar não tem permanência garantida no Paris Saint-Germain e pode deixar o clube nesta janela de transferências. Pelo menos é o que deu a entender o presidente da equipe francesa, Nasser Al-Khelaïfi, em entrevista ao jornal espanhol "Marca".

Questionado sobre a sequência do brasileiro de 30 anos no time e se ele fazia parte do novo projeto, o dirigente desconversou e disse que não poderia tocar no assunto no momento, afirmando que haverá mudanças no elenco.

Não podemos falar sobre isso em público porque alguns jogadores vão chegar, alguns jogadores vão deixar o clube. São negociações privadas - declarou o mandatário parisiense.

No mês passado, ao final da temporada europeia, diversos portais europeus afirmaram que o jogador poderia deixar o PSG na próxima janela de transferências, mas o camisa 10 afirmou que pretendia seguir no Parque dos Príncipes.

Em maio de 2021, Neymar renovou seu contrato com o Paris Saint-Germain, que era válido até o final deste mês. O acordo vai até junho de 2025.