Pochettino explica substituição que irritou Messi, e Neymar diz que PSG precisa melhorar

“Temos que progredir. Vamos trabalhar”, diz craque brasileiro após suada vitória sobre o Lyon pelo Francês

A vitória do PSG por 2 a 1 sobre o Lyon, pelo Campeonato Francês, veio depois de muito suor e briga em campo. Com um desempenho abaixo do esperado para um time tão estrelado, o resultado ficou um tanto em segundo plano após Lionel Messi ser substituído aos 31 minutos do segundo tempo (quando o jogo estava 1 a 1) e sair bastante irritado. Muito criticado, o técnico Mauricio Pochettino explicou o porquê de ter tirado o melhor do mundo de campo enquanto ainda tentava garantir a vitória.

- Tomei a decisão de tirar Messi para evitar uma possível lesão no futuro. Estão chegando partidas importantes e temos que protegê-lo. São decisões que tomo pelo time. Às vezes podem agradar, outras vezes não. Temos de fazer escolhas, no time titular e depois durante jogo, sempre pensando no melhor para a equipe e para cada jogador – afirmou Pochettino, em coletiva, ressaltando, no entanto, que Messi disse a ele que estava bem e não sentindo nenhum problema físico.

Embora tenha 100% de aproveitamento no Campeonato Francês, torneio cujo é líder, o PSG não vem “performando” bem (prova foi o empate com o Brugge, na semana passada, na estreia da Liga dos Campeões). E os jogadores reconhecem isso, segundo Neymar.

- Devemos progredir. Vamos trabalhar. Temos que melhorar pouco a pouco nas nossas condições físicas de nosso jogo. Mas estamos num bom caminho e vamos conseguir nossos objetivos – disse o craque brasileiro (assista abaixo trechos da entrevista).

Neymar foi o autor do gol (de pênalti) que empatou a partida para o PSG quando o Lyon vencia por 1 a 0 (Paquetá anotou para os Gones, enquanto Icardi garantiu o triunfo parisiense nos acréscimos).

- Foi um grande resultado. Estamos muito felizes. Foi necessário um grande esforço por parte de todo o time – comentou Neymar sobre o triunfo.

O PSG volta a campo nesta quarta-feira para encarar o Metz pelo Campeonato Francês. O ge acompanha a partida em tempo real a partir das 16h (de Brasília).

Neymar garantiu a vitória em casa contra o Lyon - Foto: Reuters