Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > INTERNACIONAL

Funcionários da Mercedes são assaltados na saída de Interlagos

Episódio ocorreu na noite desta sexta-feira. Assaltantes pararam vans de equipes em sinal de trânsito. Carro blindado da FIA conseguiu escapar

Vans de equipes de Fórmula 1 e um carro da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) foram abordados por homens armados nos arredores do Circuiro de Interlagos na noite desta sexta-feira, dia de treinos livres para o GP do Brasil. O episódio ocorreu na Avenida Interlagos, por volta das 20h, quando os funcionários deixavam o circuito.

Os bandidos pararam vans que levavam mecânicos de equipes. O veículo com integrantes da Mercedes foi assaltado. Uma van da Williams estava logo atrás, e testemunhou o ocorrido. Uma assessora da Mercedes confirmou o incidente ao GloboEsporte.com, mas não quis dar mais informações.

Leia também

- Estão todos bem - limitou-se a dizer a assessora.

Atual campeão da temporada, Lewis Hamilton, piloto da Mercedes, usou uma rede social para reclamar da falta de segurança no Brasil. Em uma rede social, ele cobrou mais atitude da FIA. "Isso acontece todos os anos aqui (no Brasil). A F-1 e as equipes precisam fazer mais, não há desculpa!", escreveu.

Os assaltantes tentaram roubar também um carro com funcionários da FIA que vinham logo atrás. Eles chegaram a bater com as armas no vidro, mas o veículo era blindado e conseguiu escapar.

Após os incidentes, quem ainda estava trabalhando no autódromo foi avisado dos problemas. E pediu segurança para a organização para deixar Interlagos. Com isso, os funcionários restantes saíram escoltados por policiais até a entrada da Marginal Pinheiros.

O GloboEsporte.com entrou em contato com a assessoria da Polícia Militar de São Paulo, que informou que não recebeu nenhum registro de ocorrência.

Não é a primeira vez que pessoas envolvidas com a F1 são abordadas por ladrões durante a semana do GP do Brasil. Em 2010, Jenson Button sofreu uma tentativa de assalto quando seguia para o hotel e conseguiu escapar por ter o carro blindado.

O GP do Brasil será disputado neste domingo, a partir das 14h.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas