Alfa Romeo anuncia Guanyu Zhou no lugar de Giovinazzi para 2022

Piloto chinês de 22 anos fará dupla na próxima temporada da F1 com Valtteri Bottas, que deixa Mercedes ao fim da atual temporada

O grid da Fórmula 1 em 2022 está fechado. A Alfa Romeo anunciou Guanyu Zhou como novo piloto da equipe, que substituirá Antonio Giovinazzi em sua formação para a próxima temporada. O chinês de 22 anos é piloto de testes da Alpine e hoje disputa a Fórmula 2 pelo terceiro ano na equipe UNI-Virtuosi. Valtteri Bottas, atual piloto da Mercedes e que ocupará o lugar do compatriota Kimi Raikkonen no próximo ano, será seu companheiro de equipe. Ele será o primeiro chinês a disputar o Mundial da principal categoria do automobilismo.

Zhou disputa pela primeira vez o título da F2 com o estreante Oscar Piastri, mas está na vice-liderança do campeonato com 142 pontos contra 178 do rival australiano.

O chinês tem três vitórias na categoria e conquistou outros três pódios; seu último triunfo foi na corrida 3 na Rússia. Restam duas rodadas para o fim da temporada, na Arábia Saudita e Abu Dhabi.

O novo piloto da Alfa Romeo estreou nos monopostos em 2015 pela F4 italiana, terminando o ano como vice-campeão. Ele, que já foi piloto de desenvolvimento da Renault na F1, também disputou a F3 europeia e, em 2021, a F3 asiática, a qual venceu com quatro triunfos.

Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, no GP de São Paulo da F1 em 2021 - Foto: Peter Fox/Getty Images

Antonio Giovinazzi deixa a F1 após três temporadas. Desde sua estreia em 2019, ele, que integrou a Academia de Pilotos da Ferrari, representou a Alfa Romeo pela categoria - tendo sido seu piloto de testes no ano anterior.

O italiano disputou 59 GPs (sem contar as três provas finais do atual campeonato) e teve como melhor resultado um quinto lugar no GP do Brasil de 2019.

Atualmente, Giovinazzi ocupa a 18ª colocação no campeonato de pilotos com apenas um ponto, que conquistou no GP de Mônaco. Seus melhores resultados foram dois 17º lugares nas temporadas de 2019 e 2020.