Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > ESPORTES

Federer recebe título de doutor em Humanidades e faz discurso

Ex-número 1 do mundo recebe honraria por trabalho filantrópico e discurso viraliza


				
					Federer recebe título de doutor em Humanidades e faz discurso
Roger Federer recebe honraria em Dartmouth. Reuters

O terceiro maior vencedor de Grand Slams da história, Roger Federer, recebeu o título de doutor em Humanidades, pela Universidade de Dartmouth, em New Hampshire, nos Estados Unidos, no último domingo. A honraria foi um reconhecimento do trabalho filantrópico feito pelo suíço nos últimos 20 anos. O astro brincou sobre ser a segunda vez que pisava em uma universidade e compartilhou algumas lições de vida com as 11.000 pessoas que o assistiram online e presencialmente.

- Esta é literalmente a segunda vez que ponho os pés em um campus universitário. Mas, por algum motivo, vocês estão me dando um diploma de doutor. Só vim aqui para fazer um discurso, mas posso voltar para casa como Doutor Roger. Essa deve ser minha vitória mais inesperada de todos os tempos - brincou o ídolo.

Leia também

Apesar da semelhança com o título alcançado por doutorandos, no caso do ex-número 1, o termo é de outra natureza. Trata-se de uma homenagem pelos feitos do atleta no campo humanitário. O tenista fez questão de compartilhar ensinamentos ao longo dos 25 minutos de discurso sobre a importância da vida pessoal diante da carreira, entre outras ideias:

- Fazer algo sem esforço é um mito.

- A vida é mais que a quadra.

O tenista conhecido por seu talento e elegância dentro e fora de quadra comentou a ideia de aposentadoria e disse não ser fã do termo. Federer comparou sua despedida do tênis, em setembro de 2022, durante a Lavers Cup, com uma espécie de 'formatura' no esporte.

- O que fazer com meu tempo? Será que levo meus filhos à escola? Jogo xadrez com estranhos? Passo um aspirador na casa? Estou verdadeiramente adorando a vida de um graduado em tênis - brincou.

O integrante suíço do Big Three, trio mais famoso do tênis, que conta com o espanhol Rafael Nadal, e com o maior vencedor do esporte, o sérvio Novak Djokovic, se disse grato pela homenagem e comentou que provavelmente se lembraria para sempre daquele momento.

Projeto filantrópico de Federer

Com duas décadas de existência, a Fundação Roger Federer começou como um pequeno projeto na África do Sul, com o objetivo de distribuir bolsas de estudos para crianças de famílias de baixa ou nenhuma renda. Aos poucos, a ideia foi crescendo e, hoje, a iniciativa já atende 2,5 milhões de crianças na Suíça e em outros seis países africanos.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas