Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Zumbi faz bom jogo, mas não resiste e perde para o Corinthians: 4 a 0

Mesmo após bom primeiro tempo, Pantera Verde não aguenta pressão na etapa final

Na noite desta terça-feira (3), o Zumbi estreou na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Contudo, longe do que o torcedor queria. Enfrentando o poderoso Corinthians na Fonte Luminosa, em Araraquara, o time alagoano sofreu uma dura derrota por 4 a 0, em duelo válido pela primeira rodada do Grupo 12.

Com o placar, o Pantera Verde foi direto para a lanterna do grupo, zerado. A equipe alviverde fica atrás do Fast Clube, que perdeu para a Ferroviária, mas tem um saldo de gols melhor. Por sua vez, o time paulista lidera, com três pontos.

Leia também

Apesar da derrota, nada de terra arrasada. O Zumbi vai para a próxima rodada ainda com chances de classificação. A equipe alagoana enfrenta a Ferroviária na próxima sexta, às 19h30. No mesmo dia, mas às 21h45, o Corinthians encara o Fast.

Primeiro tempo

Apesar de toda a expectativa pela estreia na Copinha, o jogo não começou nada fácil para o Zumbi. Logo com dois minutinhos Arthur Sousa foi derrubado na área e o juiz marcou na pênalti. Matheus Araújo cobrou com categoria e abriu o placar para o Corinthians: 1 a 0.

O Timãozinho seguiu tranquilo em campo e aos 12 minutos quase Arthur ampliou o placar, mas finalizou para fora. Desconsertado, o Zumbi passou igualar a partida em campo. Pelo lado direito, com jogadas de Otávio e Victor, o Pantera foi mais perigoso, mas sem finalizar.

Nos minutos seguintes, o Corinthians voltou a ser perigoso, pressionando pelos lados. Porém, os paulistas levaram um susto aos 26, quanto Paquetá cabeceou bem e a bola passou perto da trave. O jogo perdeu um pouco o ímpeto na metade final do primeiro tempo. Com a defesa bem postada, o Zumbi deixou os corintianos desconfortáveis dentro de campo.

Um novo susto só veio aos 39 minutos. Após cruzamento, Pedrinho apareceu livre e cabeceou colocado, mas para fora. Com 42, o empate quase veio. A defesa paulista falhou muito feio e Victor tomou a frente. O atacante palmarino chutou bem e Kauê defendeu com o pé. Aos 45, ainda deu tempo de Otávio arriscar de muito longe e o goleiro defender.

No fim, o primeiro tempo chegou ao fim, com a vitória parcial corintiana.

Segundo tempo

Para a infelicidade do time alagoano, o segundo tempo começou muito parecido com primeiro. Logo aos 4 minutinhos, Biro fez um belo lançamento para Arthur Sousa dentro da área. O camisa nove só tocou para o lado e Pedro chutou para o fundo das redes, sem chances para Jeninson: 2 a 0.

O Timão quase ampliou logo depois, aos 8 minutos. Matheus Araújo cobrou uma falta de muito longe, mas Jeninson fez uma bela defesa. Aos 10min, porém, não teve jeito. Após cobrança de escanteio, Jean acabou cabeceando para o próprio gol: 3 a 0 para o Corinthians.

Em pouco tempo, o Zumbi saiu de uma partida equilibrada para uma dura goleada. Após o terceiro gol, as coisas ficaram mornas na Fonte Luminosa. Com a vantagem, Danilo testou alguns reservas, mas o Pantera não desistiu de buscar o gol.

Mas a chance perigosa foi do Timão. Wesley chutou forte de longe e quase pegou Jenison desprevenido. Contudo, o arqueiro espalmou bem e salvou o Zumbi. Com 38, Ryan finalizou dentro da área e errou o alvo.

O jogo se encaminhava para os finalmentes quando em uma jogada despretensiosa Ryan apareceu no meio da área, sozinho, e finalizou fácil para marcar o quarto e dar números finais ao jogo. Corinthians 4x0 Zumbi.

Escalações

Corinthians - Kauê; Léo Mana, João Pedro, Murillo e Vitor Meer; Thomas (Zé Vitor), Matheus Araújo (Ryan) e Pedrinho (Wesley); Guilherme Biro (Kayke), Pedro (Breno Bidon) e Arthur Sousa (Felipe Augusto). Técnico: Danilo.

Zumbi - Jeninson; Felipinho, Gabriel (Carlos Eduardo), Paquetá e Augusto; Jean, Lucas e Guilherme; Otávio (João Vitor), Victor e João Vieira (David). Técnico: Beto Silva.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas