Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

Valendo taça! ASA e CRB se enfrentam em Arapiraca pela finalíssima do Alagoano 2022

Galo tem a vantagem do empate, enquanto Alvinegro precisa de 2 ou mais gols; jogo será no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, às 20h

Chegou o grande dia! Nesta quarta (13), às 20h, a bola rola no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, para a finalíssima do Campeonato Alagoano 2022. ASA e CRB entram em campo para definir quem irá levantar o troféu estadual novamente. O Galo tem a vantagem por vencer na ida, mas o Fantasma terá a força de sua torcida.

Depois de conseguir uma classificação heroica na semifinal, contra o CSA, o Regatas entrou na partida de ida da final muito ligado, tendo uma intensidade muito alta. Empurrado pelos mais de 11 mil regatianos no Rei Pelé, conseguiu vencer por 2 a 1 e, agora, basta um empate na volta para levantar seu 32º título alagoano.

Leia também

O Alvinegro tem uma dura missão pela frente. Após golear o CRB na primeira fase, o time sofreu para conseguir jogar na partida de ida da final. No primeiro tempo, o ASA mal conseguia passar do meio de campo. Melhorou na etapa final, chegou ao empate, mas não suportou a pressão do Galo. Precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para ficar com a taça no tempo normal. Se vencer por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis.

CRB

Em uma partida de 180 minutos, como se fala no mundo da bola, o CRB foi para o intervalo vencendo. A vitória na ida, por 2 a 1, deixou o Galo um pouco mais confortável. Porém, o técnico Marcelo Cabo queria um placar mais elástico, muito por conta do primeiro tempo da equipe no Rei Pelé.

“A gente precisa caprichar um pouquinho mais no acabamento no terço final. A gente criou inúmeras chances, foram criadas oito oportunidades, mas a gente só fez dois gols. Uma coisa que me preocupa, me chateia, é que a gente poderia ter um pouco mais de capricho porque poderia ter saído com um placar melhor hoje, mas a gente tem que valorizar esse 2 a 1”, disse Cabo após o jogo


				
					Valendo taça! ASA e CRB se enfrentam em Arapiraca pela finalíssima do Alagoano 2022
Vico abriu o placar no último sábado com um golaço de falta que fez explodir o Rei Pelé lotado. Ailton Cruz

Para este segundo jogo, Cabo terá uma importante volta ao time titular. O volante Yago, suspenso no sábado, está de volta e deve tomar o lugar de Marthã no meio de campo, o que o técnico já confirmou.

Recuperando-se de lesão, o volante Maicon e o atacante Emerson Negueba ainda não têm presença garantida, mas, se forem liberados, começarão o jogo no banco, por conta do tempo de inatividade.

A tendência é que Cabo repita a escalação da ida, com a presença de Yago. O provável time do CRB é: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Gilvan, Guilherme Romão; Claudinei, Yago e Vico; Richard, Marcinho e Anselmo Ramon.

ASA

Presente na final do Alagoano pela primeira vez em dez anos, o ASA acabou não fazendo um bom primeiro jogo. Foi completamente dominado pelo CRB no 1º tempo. Com alguns ajustes no intervalo, voltou melhor para a segunda etapa e empatou no primeiro minuto. Porém, não suportou a pressão e acabou levando o segundo gol.


				
					Valendo taça! ASA e CRB se enfrentam em Arapiraca pela finalíssima do Alagoano 2022
Jota deve mandar para o campo o mesmo time do jogo da ida. Ailton Cruz

A aposta do time é na mudança de postura. Com o Fumeirão cheio e a torcida empurrando, é difícil de imaginar um time recuado. Pelo contrário, o ASA deve ir para cima desde o minuto inicial para tentar levantar seu primeiro troféu do Alagoano desde 2011.

Com o bom rendimento na 2ª etapa é provável que Jota Guerreiro mantenha a equipe que iniciou o duelo no Rei Pelé. Júnior Viçosa, que sentiu o tornozelo no sábado, não tem lesão e vai para o jogo.

O provável time do ASA é: Raílson; Michel, Cristian Lucca, Fábio Aguiar e Wendel; Jorginho, Fidélis e Roger Gaúcho; Anderson Feijão, Xande e Júnior Viçosa.

ARBITRAGEM

Assim como na partida de ida, a arbitragem da partida será toda da FIFA. Flávio Rodrigues de Souza (FIFA-SP) comandará as ações da partida. Ele será auxiliado por Bruno Raphael Pires (FIFA-GO) e Fabrini Bevilaqua Costa (FIFA-SP). O VAR será comandado por Emerson de Almeida Ferreira (CBF-MG), tendo como assistente Frederico Vilarinho (CBF-MG).

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X