Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

Roberto Fernandes reclama de desorganização da CBF sobre Goianésia x CRB: 'Estamos três dias sem treinar'

Técnico não ficou feliz com a falta de comunicação e o adiamento da partida do meio de semana, mas mantém foco para partida de domingo (21), pela Copa do Nordeste

Na tarde desta quinta-feira (18), o CRB retornou para Maceió após uma longa logística de quatro dias no Centro-Oeste do país. O técnico Roberto Fernandes, assim como boa parte da torcida regatiana não ficou nada contente com o modo que as coisas se desenrolaram. Ainda no Aeroporto Zumbi dos Palmares, Roberto Fernandes disse o que achou da situação.

"Na minha opinião, uma total falta de, pelo menos, comunicação pra não falar de desorganização, mas pelo menos falta de comunicação entre o órgão maior que é a CBF, e o governo de onde tá ocorrendo um jogo nacional, né? Então quer dizer, nós viajamos, ficamos em Brasília, depois viajamos pra Goianésia pra quando, por volta de 10 horas da véspera de um jogo às 16h, chega um comunicado avisando que não vai ter jogo, e o comunicado afirmava que o jogo seria no dia seguinte, coisa que também não ocorreu. Então, a gente teve dois prejuízos, o primeiro de não ter jogado e o segundo que estamos três dias sem treinar. No momento, onda tá o pico das competições, domingo já tem aí Copa do Nordeste", disse o professor regatiano.

Leia também

Os três dias sem treinar foram terça, quarta e quinta, sendo este último por conta da viagem de volta para Maceió. Por conta disso, o técnico considerou um "prejuízo dobrado" para o Regatas. Entretanto, ele considerou que a vida de treinador é dessa forma: "gerir pessoas e administrar problemas".

Ainda sobre a Copa do Brasil, Roberto Fernandes comentou sobre a polêmica entre parar ou não a competição nacional. "Totalmente contra porque falta de conhecimento. Se você acompanhar os protocolos que ocorrem no futebol, as testagens, eu tô até com a voz anasalada aqui. É de tanto levar cotonete no nariz. A cada jogo é um teste. Amanhã, por exemplo, novamente seremos testados pro jogo do domingo. No domingo, após o jogo, novamente somos testados pro jogo da quarta-feira. Então, quer dizer, você não vê dentro do futebol casos que possam estar efetivamente contribuindo com essa questão da pandemia. Então, eu acho que na hora que você politiza questão de saúde, aí vira essa esculhambação", explicou o técnico.

Próximo jogo e futuro

Depois de todo o acontecimento no interior goiano, Roberto Fernandes mantém o foco total no Botafogo-PB, adversário do domingo (21). Ema vitória pode colocar o Galo na ponta do grupo A. O treinador citou os revés da semana, porém mantém seu foco principal na próxima partida.

"Na verdade foram três dias sem treinar. Isso que é o pior porque a gente nem a condição de treinar tínhamos porque não saberíamos se ocorreria o jogo hoje (18), por exemplo, como foi comunicado oficialmente pela primeira vez. Então, a gente perde sessões de treinamentos, mas não adianta lamentar, agora é aproveitar a sexta e o sábado, fazer uma boa preparação para que a gente encare o Botafogo no domingo pela Copa do Nordeste", enfatizou Roberto Fernandes.

O professor finalizou falando do confronto com o Goianésia, que não tem data, local ou horário definidos pela CBF, mesmo com a possibilidade da partida acontecer no dia 24 ou 25 de março, já na próxima semana. "Vai depender de quando vai ser esse jogo porque pode ser que seja entre jogos decisivos, o que prejudica mais ainda é o desgaste. Não é uma viagem fácil. Você vai pra Brasília e de Brasília são 240km até Goianésia, na maioria da estrada pista única, você leva 3 horas e meia de viagem, então são 3h30 pra ir pra Goianésia, 3h30 pra voltar, além do trecho. Então, o que prejudica depois de tudo isso se o jogo for remarcado pra Goianésia, aí é uma brincadeira", finalizou o técnico.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X