Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Rei do Futebol: Pelé teve quatro passagens por Alagoas

Personagem que intitula maior estádio de Alagoas morreu nesta quinta-feira (29), aos 82 anos

Pelé, o rei do futebol, faleceu na tarde desta quinta-feira (29) e deixará saudades para os amantes do futebol em todo o planeta. Contudo, não há dúvidas do marco do ex-jogador na história do esporte. O astro, que deu nome ao Estádio Rei Pelé, em Maceió, passou quatro vezes por Alagoas, onde também foi recebido com diversas homenagens.

A passagem mais marcante de Pelé em Alagoas foi em outubro de 1970. Pouco depois do conquistar o tricampeonato da Copa do Mundo, e completar 30 anos de idade, o Rei esteve presente na inauguração do Estádio Rei Pelé, nome escolhido, evidentemente, em sua homenagem.

Leia também


				
					Rei do Futebol: Pelé teve quatro passagens por Alagoas
Pelé e o então governador Lamenha Filho, em 25 de outubro de 1970, na Inauguração do Estádio Rei Pelé. Arquivo

Para receber o ídolo, foi marcado um amistoso entre a Seleção Alagoana e o Santos. Em campo, Pelé conseguiu brilhar. Marcou dois gols e ajudou o clube paulista na vitória por 5 a 0.

Antes disso, em 1965, Pelé já havia jogado em Alagoas, porém, no antigo Estádio da Pajuçara, em um amistoso entre CRB e Santos. Novamente jogando muita bola, o Santos venceu por 6 a 0, com grandes atuações de Pelé e Coutinho. Novamente, o Rei marcou dois gols naquela tarde de 25 de julho.

Em 1995, o astro do futebol mundial esteve novamente a Alagoas, quando compareceu ao Tricentenário de Zumbi, no dia 20 de novembro, em União dos Palmares.

Em 2010, Pelé voltou ao estado em 27 de junho de 2010. Após as enchentes que devastaram Alagoas, o Rei do Futebol se compadeceu, visitando o Trapichão, em sua reinauguração e sobrevoando algumas cidades atingidas.

Foi nessa visita que Pelé deixou literalmente a sua marca no estádio. O ex-jogador emoldurou seus pés para ficarem eternizados no Hall da Fama do Trapichão.

Nos 50 anos do Estário Rei Pelé, o Rei do Futebol enviou um recado, agradecendo à homenagem com o seu nome.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas