Pela vaga: CSA visita o Ceará precisando vencer para passar de fase na Copa do Nordeste

Azulão precisa de apenas mais três pontos para chegar às quartas; partida será neste sábado (5), às 19h45, na Arena Castelão

As primeiras competições do ano vão se afunilando e cada jogo passa a ser decisivo. Neste sábado (5), o CSA entra em campo, às 19h45, no Castelão, para enfrentar o Ceará, pela 7ª rodada da Copa do Nordeste. A partida vale muito para os dois lados. Quem vencer, já garantirá vaga na próxima fase da competição.

O momento do Azulão não poderia ser melhor. Além de estar invicto e praticamente classificado para as semifinais do Alagoano, o time garantiu sua vaga na segunda fase da Copa do Brasil, ao empatar, por 1 a 1, com o Atlético-BA. Na última quarta (2), o clube marujo venceu o Cruzeiro-AL pelo Estadual, por 2 a 0. O CSA é o 2º colocado do Grupo A do Nordestão.

Já o Vozão vive um momento agridoce. O Alvinegro tem a classificação encaminhada na Copa do Nordeste, lidera o Grupo B, com 12 pontos, e avançou para a segunda fase da Copa do Brasil, ao vencer o São Raimundo-RR, por 3 a 0. Porém, no Cearense a história é diferente. O time foi eliminado nas quartas de final pelo Iguatu, nos pênaltis.

CSA

A vitória, por 2 a 0, sobre o Cruzeiro-AL, na última quarta (2), não foi fácil para o CSA. Visando poupar a equipe para a decisão na Copa do Nordeste, Mozart mandou a campo um time misto. Após a vitória, o treinador destacou que seus jogadores precisam trabalhar mais as finalizações. Chances perdidas vêm sendo alvos de críticas dos torcedores.

“Nós precisamos fazer ajustes, como todo jogo. Ganhando o jogo, nós precisamos fazer ajustes e aproveitar melhor as oportunidades, seja no gesto técnico, seja na escolha do último passe. Eu estaria mais preocupado se nós não estivéssemos criando. A minha equipe é uma equipe que cria bastante. Pode ser mais concentrada no último passe, na finalização, e esse tipo de situação só se corrige treinando”, disse o técnico.

Osvaldo comemora 1º gol com a camisa do CSA, contra o Cruzeiro-Al, no Trapichão, pelo Estadual 2022 - Foto: Ailton Cruz

Para enfrentar o Ceará, Mozart contará com uma volta importante na equipe: o meia Gabriel e o lateral direito Igor voltam ao time em Fortaleza. Enquanto o primeiro será titular, Igor deve ficar no banco. Clayton e Gabriel Tonini, entregues ao DM, continuam de fora, assim como o volante Luiz Henrique, suspenso.

Quem poderá ganhar mais uma chance como titular é o atacante Osvaldo. Na última partida, o jogador fez um golaço para o abrir o placar no Rei Pelé.

O provável time do CSA é: Marcelo Carné, Cedric, Werley, Wellington e Ernandes; Geovane, William e Gabriel; Osvaldo (Marco Túlio), Lucas Barcelos e Rodrigo Rodrigues.

CEARÁ

A eliminação precoce no Estadual rendeu mudanças imediatas no Vozão. Apesar de o técnico Tiago Nunes ter sido mantido no cargo, o executivo de futebol Jorge Macedo, o auxiliar técnico Daniel Azambuja e o preparador físico André Volpe foram demitidos.

Tiago Nunes terá dor de cabeça para montar sua equipe - Foto: Felipe Santos/cearasc.com

A vitória, por 3 a 0, sobre o São Raimundo-RR, e a classificação na Copa do Brasil acalmaram os ânimos da torcida, que agora pede pela classificação no Nordestão. Para isso, Tiago Nunes terá vários desfalques: Jael e Marcos Ýtalo se recuperam de cirurgia, Fernando Sobral e Iury Castilho estão com edema na coxa esquerda e Richard possui uma fratura na mandíbula. Além deles, o lateral esquerdo Bruno Pacheco realiza atividades para condicionamento da parte física, após a transição.

O provável time do Ceará é: João Ricardo; Messias, Luiz Otávio e Lucas Ribeiro; Victor Luis, Richardson, Mendoza, Lima e Michel Macedo; Vina e Cléber.

ARBITRAGEM

O trio de arbitragem será da Federação Potiguar de Futebol. Zandick Gondim Alves Junior (CBF) será o árbitro principal, sendo auxiliado por Vinicius Melo de Lima (CBF) e Luis Carlos de França Costa (CBF). José Denis Garces Lima (CBF-CE) será o quarto árbitro.