Pela Série B, CRB perde para o Brusque e se distancia do sonho do acesso: 1 a 0

Com resultado, Galo é o 6º colocado, com 57 pontos; gol do time catarinense, que saiu do Z4, foi marcado por Thiago Alagoano

Em jogo nessa segunda-feira (15), em mais um desafio importante na Série B do Brasileiro, o CRB se deu mal e perdeu para o Brusque, por .1 a 0, e complicou o sonho pelo acesso à Série A, que agora ficou mais distante. O gol do time catarinense foi marcado por Thiago Alagoano, no finalzinho do segundo tempo.

Com o resultado, o Galo é o 6º colocado, com 57 pontos; enquanto o Bruscão deixou o Z4 e agora é o 15º lugar, com 41 pontos. Clique aqui para ver o Tempo Real

Pela 37ª rodada da Segundona, o CRB volta a campo na segunda-feira (22), contra o Vitória, às 18h, no Rei Pelé. Mas, antes disso, na próxima quinta-feira (18), o Galo tem compromisso pela Pré-Copa do Nordeste: enfrenta o Moto Club, pelo jogo de volta, no Rei Pelé, às 19h. E o Brusque, na sexta-feira (19), pela Série B, recebe o Operário-PR, no Augusto Bauer, às 19 horas.

Primeiro Tempo

CRB e Brusque ficaram no 0 a 0 no 1° tempo - Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

A primeira chance de perigo foi do Brusque. Aos 2 minutos, após bola levantada na área, com muitos jogadores disputando, Diogo deu um tapa para o lado oposto.Aos 7 minutos, o Galo respondeu. A defesa do Brusque vacilou, Pablo Dyego pegou a sobra e na hora de bater para o gol foi puxado. Os jogadores regatianos reclamaram de pênalti, mas o árbitro não marcou. Um minuto depois, em um contra-ataque fulminante do Quadricolor, Edu travou o chute de Jean Patrick, arrancou sozinho em direção ao gol, mas adiantou demais, permitindo a chegada de Diogo Silva, que deu o chutão e afastou o perigo.

O duelo chegava aos 15 minutos e o que se via eram muitos erros de passes por parte dos dois lados. Aos 17min, em falta a favor do Brusque, Airton tentou mandar encobrindo a barreira, mas não conseguiu, pois a bola bateu justamente na barreira. Aos 21 minutos, uma boa chance para o Brusque que, após o escanteio, avançou no contragolpe, mas o CRB se recompôs rápido, perdeu em seguida, mas Airton cruzou sem objetividade alguma., para alívio do Galo.

Passando dos 25 minutos, o CRB criava um ou outro cruzamento ou jogada, tentando aos poucos chegar e ir em busca do gol e marcando a saída de bola do adversário. Aos 28 minutos, em falta para o Brusque, pelo lado esquerdo do ataque, na cobrança de Airton, Everton Alemão cabeceou, mas a bola foi para fora. O jogo era muito de meio-campo e marcação, tanto que os goleiros ainda não tinham sido exigidos.

O Galo tentou aos 39 minutos. Negueba se mandou pelo lado direito do ataque do Galo, mas Rodolfo Potiguar acelerou e roubou a bola dele. O Brusque respondeu aos 40’: Garcez se mandou sozinho em velocidade, tentou driblar Romão e acabou sendo desarmado. E, com apenas 1 minuto de acréscimo dado pelo árbitro, o fraco 1º tempo acabou aos 46 minutos, com o 0 a 0.

Segundo Tempo

Thiago Alagoano marcou o único gol da partida entre Brusque e CRB - Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

O primeiro lance de perigo da 2ª etapa foi do CRB. Aos 2 minutos, em boa jogada de Romão, ele driblou o defensor no meio campo, avançou em direção ao gol e bateu de canhota, mas sem sucesso, pois ela foi para fora. O Brusque voltou com mais velocidade, dificultando as saídas do CRB e dominava a partida. Aos 6min, quase abriu o placar. Edílson cruzou e Edu cabeceou colocado, mas a bola bateu na trave do Galo, para o alívio regatiano.

O CRB quase chegou ao gol, aos 9min. Diego Torres cruzou para Romão, que cruzou forte, porém, Ianson parou a pelota, dominou e afastou o perigo. Outra investida do Galo se deu aos 16min. Pablo Dyego chutou de fora da área e viu a bola ir no centro da meta, com a defesa de Ruan Carneiro. O Brusque respondeu aos 17min: Foguinho arriscou o chute rasteiro, mas a bola foi sem força e o goleiro do Regatas defendeu.

Só dava Brusque na partida, que pressionava o CRB. Aos 26min, Thiago Alagoano cabeceou bonito para a grande defesa do arqueiro regatiano, mas o lance já era de impedimento. Aos 36’, numa cobrança de falta de Bressan para o CRB, a zaga do Brusque tirou e a bola caiu nos pés de Jajá. O atacante driblou Zé Mateus, invadiu a área e finalizou longe.

Aos 38 minutos, veio o que o CRB não esperava e não queria: o gol do Brusque. Thiago Alagoano mandou a bola para a rede. Foguinho deu um passe na medida para o camisa 10, que apareceu entre os zagueiros do CRB e com um leve toque desloca o goleiro Diogo Silva: 1 a 0.

E, mesmo com os acréscimos do árbitro, de 4 minutos, o CRB não conseguiu o empate. E o placar ficou mesmo no 1 a 0 para o Brusque.

Brusque foi melhor em campo e fez por merecer a vitória - Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Ficha Técnica

Brusque - Ruan Carneiro; Edílson, Ianson, Éverton Alemão e Airton; Rodolfo, Zé Mateus, Fillipe Soutto (Foguinho)e Jhon Cley (Thiago Alagoano); Garcez (Bruno Alves) e Edu. Técnico: Waguinho Dias.

CRB - Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão; Claudinei (Marthã), Jean Patrick (Júnior Brandão) e Diego Torres (Renan Bressan); Negueba, Pablo Dyego (Jajá) e Nícolas Careca. Técnico: Anderson Valiñas.

Árbitro - Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ).

Assistentes - Michael Correia (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ).

Quarto árbitro - Edson da Silva (SC).

VAR - Rodrigo Nunes de Sá (RJ).

Assistente do VAR - Silbert Faria Sisquim (RJ).